Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Administração Japonesa

Informações sobre o autor

 
Nível
Para todos
Estudo seguido
outros
Faculdade
UNINOVE

Informações do trabalho

LUCIANO B.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
estudo dirigido
Número de páginas
23 páginas
Nível
Para todos
Consultado
865 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Decisões pelo ?Consenso?
  2. Métodos utilizados na administração
  3. Segurança e produtividade
  4. Vulnerabilidade e pontos fortes

Quais são as preocupações mais importantes da alta administração? Quase todos os grupos de altos executivos dos Estados Unidos e também de muitos outros países ocidentais, dariam muita importância aos seguintes itens:
? Tomar decisões eficazes;
? Harmonizar a segurança no emprego com outras necessidades como produtividade, flexibilidade de custos de mão-de-obra e aceitação da mudança na empresa;
? Formação de administradores profissionais jovens.
A administração japonesa poderia ser classificada como um modelo de gestão fortemente embasado na participação direta dos funcionários. Em especial participação na produtividade e eficiência voltada para a tarefa, do que na linha gerencial das relações e desenvolvimento humanos desenvolvida e implementada principalmente pelos americanos. Porém, as peculiaridades da administração japonesa merecem uma discussão mais profunda porque os índices de produtividade japoneses superaram os da maioria dos países ocidentais, a partir da década de 70 e também porque as culturas orientais infiltradas no comportamento organizacionais, sempre provocam polêmica e discussões sobre a importância do aspecto cultural, refletido no caráter obediente e disciplinado do trabalhador japonês, como o fator condicionante do sucesso da administração e da aplicação das técnicas industriais japonesas.
Os administradores japoneses agem de modo claramente diferente dos americanos e europeu com relação a estas áreas de problemas. Os japoneses seguem princípios diferentes e criaram orientações e estabeleceram políticas diferentes para enfrentar cada um desses problemas.

[...] Na verdade, pode-se muito bem argumentar que os custos trabalhistas nas indústrias americanas de produção em massa são mais rígidos que no Japão, apesar de nossas administrações poderem ajustar com rapidez o número de homens empregados ao movimento das encomendas, contratando com a prática japonesa de manter os empregados "permanentes" no emprego quase que independentemente das condições comerciais. Além disso, estão sendo criados, nas indústrias de produção em massa sindicalizadas, cada vez mais sistemas de aposentadoria mais cedo, como os que foram incluídos no outono de 1970 no contrato assinado pela indústria automobilística americana. [...]


[...] Por isso, todo o processo se concentra na descoberta da verdadeira natureza da decisão, e não em qual deve ser ela. O resultado é um consenso de que há (ou não) necessidade de uma mudança de comportamento. É claro que tudo isso leva muito tempo. O ocidental que esteja tratando com os japoneses fica completamente frustrado durante este processo. Não compreende o que está passando. Tem a impressão de que está sendo "enrolado" A ação Quando os japoneses chegam ao ponto que chamamos de decisão, dizem que estão na fase da ação. [...]


[...] Esta é uma razão pela qual a indústria de equipamentos eletrônicos japonesa se esforça muito para arranjar maridos para as moças e tira-las da fábrica quando elas fazem 21 ou 22 anos de idade. Mas, de um modo geral os japoneses acham que o empregado mais velho é mais produtivo; e seus números confirmariam isso. Com a remuneração baseada na antiguidade, o produto por ien de salário pode ser muito maior numa fábrica em que os empregados são, em sua maioria, novos e de pouca idade. [...]

Estes documentos podem interessar a você

Just in time

 Administração e marketing   |  Administração   |  Estudo   |  29/08/2006   |  BR   |   .doc   |   11 páginas

Mais Vendidos administração

Administração de Suprimentos e Logística

 Administração e marketing   |  Administração   |  Projeto   |  30/08/2006   |  BR   |   .doc   |   13 páginas

A importância dos níveis hierárquicos na organização

 Administração e marketing   |  Administração   |  Estudo de caso   |  19/09/2007   |  BR   |   .ppt   |   12 páginas