Informações sobre o autor

 
Nível
Para todos
Estudo seguido
outros
Faculdade
Uni Nove

Informações do trabalho

Data de Publicação
10/02/2010
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
estudo
Número de páginas
11 páginas
Nível
Para todos
Consultado
0 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário

Comportamento organizacional: diferenças individuais

  1. O QUE É COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL
  2. CAPITALIZANDO AS DIFERENÇAS INDIVIDUAIS
  3. DIVERSIDADE NA PERSONALIDADE

Comportamento Organizacional é o estudo do comportamento humano que tem como foco ações e atitudes dos indivíduos, grupos no ambiente das organizações, com o objetivo de utilizar esse conhecimento para alcançar produtividade, reduzir o absenteísmo e a rotatividade, ou seja, para promover a melhoria da eficácia organizacional.
Suas principais variáveis são: Estrutura, clima e cultura organizacional, ambiente de trabalho, planejamento, habilidades interpessoais.
O estudo do comportamento organizacional se apóia na contribuição de diversas outras disciplinas comportamentais. As áreas predominantes são a psicologia, a sociologia, a psicologia social, a antropologia e as ciências políticas.

[...] (CHIAVENATO, Idalberto. Planejamento, Recrutamento e Seleção de Pessoal Como Agregar Talentos À Empresa. São Paulo: Atlas P. 53) Segundo Chiavenato, o problema do recrutamento é diagnosticar e localizar no mercado de trabalho as fontes de recursos humanos do seu interesse para dar início ao processo de recrutamento. A primeira fase desse processo é identificar, escolher e fazer a manutenção das fontes com probabilidade de atender os requisitos preestabelecidos pela organização. Fatores que influenciam a Administração de Recursos Humanos: 1. “elevar o rendimento do processo de recrutamento, aumentando tanto a proporção de candidatos/candidatos triados para a seleção, bem como a proporção de candidatos/empregados admitidos; 2. [...]


[...] CAPÍTULO IV CONCLUSÃO Mostramos nesse trabalho como os indivíduos são diferentes entre si e como o aproveitamento é essencial para o comportamento organizacional. Com a reengenharia, globalização, downsizing palavras que são ditas ultimamente nas empresas podem ser inseridas dentro da aptidão cognitiva geral, pois nessa característica é avaliado o desempenho no trabalho e à adaptação do novo. Outra característica, onde os indivíduos diferem, também, é na personalidade e que é observada dentro do desempenho do cargo. As empresas devem distinguir essas diferenças para fazer disso uma vantagem competitiva sustentável. [...]


[...] Os estudos tayloristas e fayolistas (escola clássica da administração de empresas) partem do princípio de que o comportamento do trabalhador é unicamente pelo interesse material. Por isso, para que ele se adapte ao trabalho e consiga a maior produtividade possível, é necessário dar-lhe um incentivo, mediante aumento de salários ou melhorias das condições de trabalho. Apenas por volta dos anos de 1930 este conceito seria plenamente incorporado à teoria das organizações. Chester Barnard (1886 a 1961) publicou seu livro-referência functions of the Executive” em 1938, explicando o papel de um alto executivo: formular o propósito de uma organização, contratar pessoas-chave e manter comunicações organizacionais. [...]

...

Estes documentos podem interessar a você

Comportamento organizacional

 Administração e marketing   |  Recursos humanos   |  Estudo   |  08/09/2006   |  BR   |   .doc   |   31 páginas

Administrando diversidades e diferenças individuais

 Administração e marketing   |  Recursos humanos   |  Estudo   |  29/11/2006   |  BR   |   .doc   |   15 páginas

Mais Vendidos administração

Plano de negócios Agência de Turismo

 Administração e marketing   |  Administração   |  Estudo de caso   |  11/05/2007   |  BR   |   .doc   |   18 páginas

O trabalho com a música na educação infantil

 Administração e marketing   |  Administração   |  Monografia   |  01/12/2006   |  BR   |   .doc   |   17 páginas
Compra e venda de trabalhos acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.