Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Inteligência competitiva

Informações sobre o autor

 
Nível
Para todos
Estudo seguido
direito...
Faculdade
UNITRI

Informações do trabalho

FRANCISCO CARLOS S.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
estudo
Número de páginas
73 páginas
Nível
Para todos
Consultado
2 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Estratégia
  2. Inteligência competitiva
  3. Contextualização da indústria petroquímica brasileira e a inclusão da braskem
  4. A inteligência competitiva na braskem

O cenário mundial dos anos noventa vivenciou aceleradas e profundas transformações, como a globalização da economia, a interdependência entre as nações, o impacto e difusão da evolução tecnológica, além da facilidade de transacionar entre os mercados do mundo inteiro e a commoditização dos produtos. Tudo isso criou um ambiente caracterizado por uma acirrada concorrência empresarial cada vez mais disputada. Neste contexto, a Inteligência Competitiva pode exercer um papel importantíssimo como estratégia dentro das empresas que visam se manter no mercado. Essas pressões externas mostram toda a sua força e levam as organizações a se adaptarem, a reagir e a incrementar sua capacidade de operar numa busca constante pela qualidade e produtividade.

Anteriormente, as empresas quando vendiam qualquer produto ou serviço baseavam-se em negociações de forma empírica, sem nenhum critério ou fundamento mercadológico. As transações comerciais com clientes ou fornecedores não tinham nenhum valor agregado, não traziam ganhos significativos, tanto na compra ou na venda de seus produtos ou serviços ao cliente final.

Hoje, as empresas têm um grande desafio: manter sua competitividade, mantendo ou aumentando o seu share no segmento em que atua. Há uma necessidade de ter feeling comercial e mercadológico para obter ganhos em suas negociações. Por isso existe a necessidade permanente em monitorar as tendências e a lógica do mercado global, interpretando informações e sinais do mercado, sugerindo a direção, e transformando-as em ações efetivas de planejamento e estratégia.

Este processo necessita do uso efetivo de novos instrumentos da Tecnologia da Informação, como banco de dados, internet, etc., aplicados à gestão dos negócios, permitindo a captação de dados e informações externas com mais rapidez e de forma ética, no tratamento e na sua disseminação.

Neste contexto, tomando como base o monitoramento do mercado externo e a gestão das informações face às estratégias organizacionais, a análise da atividade de Inteligência Competitiva na Braskem vem identificar como a organização controla seu ambiente de acordo com as principais características e o método por esta aplicado.

A partir do pressuposto de que a informação é uma variável de extraordinária importância estratégica, tanto no ambiente interno quanto no externo, e sendo o seu monitoramento vital para a corporação, além de poder ser um determinante para a sua competitividade, chegamos, então, à seguinte questão: a Inteligência Competitiva pode influenciar na tomada de decisão?

A presente monografia tem por objetivo geral mostrar a importância da Inteligência Competitiva como estratégia corporativa em uma indústria petroquímica, demonstrando como o estudo das informações pode desenvolver a competitividade da organização.

Os objetivos específicos são: avaliar como a Inteligência Competitiva influencia na tomada de decisão; descrever a importância da análise de informações e do conhecimento para a tomada de decisão; e apontar a necessidade da IC para a competitividade de uma indústria petroquímica.

A monografia encontra-se dividida em duas grandes partes: a primeira nos capítulos I, II e III contendo todo o referencial teórico que aborda a Estratégia e a Inteligência Competitiva, obtido através de uma revisão bibliográfica, trazendo a visão dos principais teóricos sobre os assuntos estudados e a metodologia aplicada.

A segunda parte, por sua vez, apresenta os capítulos IV e V, onde foi realizado um mapeamento da indústria petroquímica, na qual a empresa estudada está inserida neste segmento, com o propósito de analisar os fatores que influenciam no seu desempenho, bem como na sua estratégia, com a seguinte aplicação da Inteligência Competitiva, apresentando os resultados da análise do Estudo de Caso.

[...] Sistemas de Inteligência Competitiva I. textos conceituais, in: Curso de Especialização em Inteligência Competitiva - CEIC, Rio de Janeiro CRIE Centro de referência em inteligência empresarial. Disponível em: Acessado em: 09/06/04 DOU, H. Sistemas de Inteligência Competitiva III. Apostila, Rio de Janeiro, Curso de Especialização em Inteligência Competitiva CEIC GIL, Antônio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social ed. São Paulo: Atlas 208p. GORDON, I. Beat the competition! How the use competitive intelligence to develop winning business strategies. [...]


[...] INTELIGÊNCIA COMPETITIVA Vivemos em uma época que as empresas estão em constante guerra por mercados e clientes, tornando o próprio mercado num campo de batalhas. Como no exemplo da guerra, os executivos devem pensar e agir como estrategistas[7], comum em corporações militares. Os executivos devem ter uma postura similar à de um comandante, quando em situações de descontrole. Os comandantes geralmente sabem quais são os fatores que vão assegurar o sucesso num combate. Mas, a priori, é necessário que antes de fazer o planejamento, precisa saber os recursos disponíveis (soldados preparados e armamento) e determinar um rumo para a sua corporação. [...]


[...] Segundo Bessa (2001), a Inteligência Competitiva é: Produto resultante da coleta, avaliação, análise, integração e interpretação de todas as informações disponíveis, e que se relacionem com um ou mais aspectos de um determinado país ou áreas que representam interesses imediatos ou potencias para os decisores. A ABRAIC[14] (2001), também desenha um conceito para a Inteligência Competitiva: Inteligência Competitiva é um processo informacional proativo[15] que conduz à melhor tomada de decisões, seja ela estratégica ou operacional. È um processo sistemático, que visa a descobrir as forças que regem os negócios, reduzir o risco e conduzir o tomador de decisão a agir antecipadamente, bem como proteger o conhecimento gerado. [...]

Estes documentos podem interessar a você

Gestão de pessoas

 Administração e marketing   |  Marketing   |  Estudo de caso   |  18/09/2007   |  BR   |   .doc   |   8 páginas

Tendências e desafios da administração no cenário mundial

 Administração e marketing   |  Administração   |  Estudo   |  09/10/2007   |  BR   |   .doc   |   12 páginas

Mais Vendidos administração

Administração de Suprimentos e Logística

 Administração e marketing   |  Administração   |  Projeto   |  30/08/2006   |  BR   |   .doc   |   13 páginas

A importância dos níveis hierárquicos na organização

 Administração e marketing   |  Administração   |  Estudo de caso   |  19/09/2007   |  BR   |   .ppt   |   12 páginas