Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

O livro “Armadilha da globalização”

Informações sobre o autor

autônoma
Nível
Especializado
Estudo seguido
Letras

Informações do trabalho

Montserrat C.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
fichamento
Número de páginas
5 páginas
Nível
Especializado
Consultado
2 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Introdução
  2. A armadilha da globalização
  3. Conclusão
  4. Bibliografia

O livro ?Armadilha da globalização? é um debate sobre quem ganha e quem perde na globalização e traz uma análise corajosa e detalhada de como o livre mercado financeiro internacional drena os recursos das nações causando o desemprego e o empobrecimento da população.
Este livro mostra que o mundo entrou numa crise de valores com os sucessivos terremotos econômicos, trazendo o que pensam algumas das personalidades ilustres, com opiniões e debates.
E, ainda, Hans-Peter Martin e Harald Schumann, seus autores, jornalistas e cientistas sociais, apresentam suas opiniões sobre a globalização e suas conseqüências.
Esta obra, a partir de dados objetivos, procura demonstrar como o avanço da globalização do mercado está a ter efeitos predadores sobre o emprego com direitos e sobre a democracia. Mais mercado significa, na maior parte dos casos, menos democracia. Mais consumo não significa mais qualidade de vida.

[...] O Estado do bem estar social fora dos caminhos da iniciativa privada. Está nascendo também a sociedade do sacrifício social. Os aumentos de produtividade têm sido obtidos, no fundamental, com redução de postos de trabalho. Estas reduções, por sua vez, estão a contribuir para a redução de receitas em relação aos sistemas de segurança social. Não obstante o continuado e progressivo crescimento da competitividade e da produtividade, é flagrante o alargamento do fosso entre ricos e pobres, entre os que têm trabalho com direitos, os que são submetidos à mais cruel e selvagem exploração no trabalho e os socialmente excluídos. [...]


[...] O livro cita a lei da selva, de Charles Darwin. Os autores dizem que esta lei nunca foi tão deformada, pois, em 1859, quando lançara sua obra, "Origem das Espécies" o sábio não contava com a sua transposição para a sociedade dos homens. O livro fala sobre a "sociedade de um quinto", isso é, desperta sobre a sociedade do Estado do bem-estar social dizendo que esta torna-se uma ameaça ao futuro, na visão desses endinheirados homens. E o futuro, bem entendido e examinado, adquire a conotação de "retroagir". [...]

Mais Vendidos administração

Administração de Suprimentos e Logística

 Administração e marketing   |  Administração   |  Projeto   |  30/08/2006   |  BR   |   .doc   |   13 páginas

A importância dos níveis hierárquicos na organização

 Administração e marketing   |  Administração   |  Estudo de caso   |  19/09/2007   |  BR   |   .ppt   |   12 páginas

Últimos trabalhos administração

Relação do Estado das Estradas e a Qualidade da Maçã

 Administração e marketing   |  Administração   |  Estudo   |  11/06/2013   |  BR   |   .doc   |   18 páginas

Produção e Gestão da Serraria

 Administração e marketing   |  Administração   |  Estudo   |  16/08/2012   |  BR   |   .doc   |   35 páginas