Informações sobre o autor

 
Nível
Para todos
Estudo seguido
outros
Faculdade
UNIFENAS

Informações do trabalho

Data de Publicação
16/01/2007
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
estudo
Número de páginas
76 páginas
Nível
Para todos
Consultado
1 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário

Estratégias de planejamento utilizadas pelas pequenas empresas de Macapá

  1. Introdução
  2. Referencial contextual
    1. O Estado do Amapá
    2. A cidade de Macapá
  3. Revisão literária
    1. Conceito de planejamento
    2. O conceito de estratégia
    3. Definição conceitual (escolas)
    4. Vantagem competitiva
  4. Metodologia
    1. O Problema
    2. Objetivos
    3. Aspectos metodológicos
    4. Tipo de pesquisa
    5. População e amostra
    6. Questões de pesquisa
    7. Instrumento de coleta de dados
    8. Coleta de dados
    9. Tratamento dos dados
  5. Análise dos dados e discussão dos resultados
  6. Conclusão
  7. Recomendações
  8. Referências bibliográficas

Os novos ventos apontam para o fortalecimento de relacionamentos como a forma mais segura de conhecer o que os clientes realmente desejam. A saída apontada está na sistematização, com a implantação de arrojada tecnologia e do conhecimento hoje disponível, de ações para tornar palpável o que já se sabe: é preciso fidelizar, seduzir e encantar o cliente e isso implica em bom atendimento. Devido ao desenvolvimento tecnológico e a globalização da economia, os tempos modernos requerem ação sistematizada e planejamento em todo e qualquer tipo de negócio.
A partir da década de 1990 o foco dos empreendimentos de sucesso passou a girar em torno da qualidade, que se tornou imprescindível. Assim, o desejo dos clientes passou a definir a postura desejável das organizações. Os consumidores passaram a participar de maneira ativa nas decisões da empresa, sinalizando as tendências, expondo suas expectativas, satisfações e insatisfações, tanto no período pré-vendas e vendas, quanto no período de pós-vendas.
A justificativa para essa nova realidade é o fato de que, com o aumento da competitividade, o consumidor está a cada vez mais bem informado, exigente e consciente de seus direitos, fazendo surgir um novo padrão de relacionamento. Conseqüentemente, todas as ações das empresas são direcionadas para satisfazê-lo.
Nesse novo contexto, as empresas necessitam priorizar ações de relacionamento e planejamento, que devem ser compiladas e recuperadas no instante em que o contato está ocorrendo, a fim de que seja possível conhecer e reconhecer o cliente, identificando a melhor maneira de interagir com ele. Pode-se, desta forma, direcionar ofertas e implementar medidas melhor ajustadas ao seu perfil.
Frente ao mundo globalizado, como o planejamento estratégico pode auxiliar as pequenas empresas a manterem-se competitivas no mercado?
Esta dissertação tem como objetivo definir, entender as atuais estratégias que são desenvolvidas pelas empresas de Macapá, e propor o desenvolvimento e aplicabilidade de novas, respeitando suas particularidades, para perpetuar a pequena empresa no processo de globalização.
Acredita-se que apenas com planejamento é possível estabelecer uma comunicação integrada, que dê consistência e potencialize a mensagem em todos os pontos de contato com o mercado.
O Planejamento Estratégico, mais que um documento estático, deve ser visto como um
instrumento dinâmico de gestão pelas empresas do Macapá, que contém decisões antecipadas sobre a linha de atuação a ser seguida pela organização no cumprimento de sua missão.
Este estudo se justifica e se faz relevante pois devido à representatividade e ao potencial das pequenas empresas no Brasil, é de extrema importância que estudos sejam desenvolvidos focando as centrais de negócios como alternativa de competitividade das empresas de pequeno porte.
Estabelecer um planejamento adequado objetivando constatar o novo perfil do cliente ajuda a compreender como são feitas as escolhas, bem como auxilia no conhecimento da cultura do consumidor e das diversas situações e momentos pelos quais os negócios passam. A forma como os clientes se comportam em um mercado em determinado momento não indica necessariamente como se comportarão em momentos posteriores. As escolhas que fazem englobam, sobretudo, a percepção que têm dos serviços e produtos, e essa percepção está relacionada à complexidade e à heterogeneidade dos mercados; à infinidade de variáveis que intervêm entre a oferta e a procura; à constante inovação tecnológica; à dificuldade de se conseguir e manter a repetição dos padrões de comportamento e lealdade de marca.

[...] Dada a importância social e econômica para países com características parecidas com o Brasil, justifica-se todo esforço possível para o desenvolvimento de estudos de estratégias, concentrados em revelar possibilidades de suas aplicações no setor das empresas de pequeno porte. Oferecendo vantagens desta ferramenta administrativa, no intuito de enfrentar tanto realidades locais, como o processo de globalização econômica e seus efeitos. A figura 8 contribui para melhor entendimento dos tipos de planejamentos. Figura 8 Níveis de decisão e tipos de planejamento Fonte: Oliveira (2001, p.43) Reestruturação interna das organizações As reestruturações internas nas organizações podem ocorrer, de acordo com Boog (1994) basicamente, nos seguintes níveis qualitativos: recursos, processos, relacionamentos e identidade. [...]


[...] Outra forma de desenvolver vantagem competitiva é através do custo, prática muito comum pelas pequenas empresas, mas requer uma atenção especial para não esconder custos que poderão trazer sérias conseqüências para a organização. O escopo de segmentação de mercado significa a focalização de negócio a cada segmento de mercado em que a empresa atua, com ênfase nos segmentos mais significativos para a empresa em relação à concorrência. O escopo geográfico define as áreas principais nas quais a empresa deve concentrar o forte de sua atuação e nas quais deverá estar apta a atuar com vantagens em relação a concorrência. [...]


[...] O Planejamento Estratégico, mais que um documento estático, deve ser visto como um instrumento dinâmico de gestão pelas empresas do Macapá, que contém decisões antecipadas sobre a linha de atuação a ser seguida pela organização no cumprimento de sua missão. Este estudo se justifica e se faz relevante pois devido à representatividade e ao potencial das pequenas empresas no Brasil, é de extrema importância que estudos sejam desenvolvidos focando as centrais de negócios como alternativa de competitividade das empresas de pequeno porte. [...]

...

Últimos trabalhos estratégia

Melhoria do Processo Produtivo do Elevador para Cadeirantes na Empresa Busscar Ônibus S.A.

 Administração e marketing   |  Estratégia   |  Estudo   |  05/09/2012   |  BR   |   .doc   |   9 páginas

Relatório de estágio na área de planejamento em uma multinacional

 Administração e marketing   |  Estratégia   |  Estudo   |  01/01/2010   |  BR   |   .doc   |   25 páginas
Compra e venda de trabalhos acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.