Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Desenvolvimento de produtos infantis a partir da segmentação do mercado

Informações sobre o autor

 
Nível
Avançado
Estudo seguido
administração
Faculdade
ucg

Informações do trabalho

Bruna C.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
estudo
Número de páginas
16 páginas
Nível
avançado
Consultado
57 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Problema
  2. Identificando oportunidades através das estratégias de marketing
  3. Análise de mercados internacionais
  4. O comércio bilateral entre Estados Unidos e Brasil
  5. Marketing e o composto mercadológico

Este artigo visa indicar uma metodologia para o desenvolvimento de produtos infantis, a partir de uma visão das diferenças no desenvolvimento cognitivo e nas características psicológicas de cada faixa etária do público-alvo. Esta adequação visa diferenciar os produtos, aumentando suas chances de sucesso no mercado.
Neste trabalho, tomamos como ponto de partida a necessidade de se conhecer a segmentação do público infantil por perfil psicológico, para se ter uma diferenciação de produtos, fazendo com que os mesmos possam estar adequados aos públicos identificados, buscando como conseqüência maior probabilidade de sucesso em suas vendas.
Analisamos informações trabalhadas nos departamentos de design e de marketing de empresas fabricantes de produtos infantis, para apresentar esta abordagem, propondo uma adaptação da metodologia de desenvolvimento de projetos em geral, identificando uma metodologia adequada ao desenvolvimento de produtos voltados ao público infantil.
Assim sendo, temos neste trabalho, dois objetivos básicos: inicialmente, uma abordagem sobre as faixas etárias das crianças obtidas em fontes específicas, e a partir desta análise, verificar como a concepção e fabricação de produtos infantis podem usufruir deste conhecimento, de modo que possamos apresentar uma metodologia adequada para este tipo de indústria, melhorando assim o grau de desempenho dessas atividades projetuais.

[...] Metodologia Científica Comtemporânea: Para Universitários e Pesquisadores. São Paulo: Brasport - Brinquedos podem ser um perigo. Revista Pro-Teste. Rio de Janeiro, Ano II, Nº 14, Maio 2003. p.8-12. - CAMPOS, M. B. Estágio de Desenvolvimento da Criança segundo Piaget. Disponível em: http://penta.ufrgs.br/~marcia/estagio2.htm Acesso em 25/04/2004 - FALCÃO, D. Cérebro Assimila Cedo Vocabulário e Matemática. Folha de S. Paulo, São Paulo fev Banco de Dados, Caderno Cotidiano, p. 3-9. - FRANCO, C. Consumo infantil orienta o mercado. Jornal da Cidade. Bauru/SP Mar Economia. - [...]


[...] As conexões cerebrais deste período para o aprendizado de um instrumento ficam para toda a vida. Quanto às suas habilidades, podemos observar abaixo sua evolução até os catorze anos de idade: 4 meses: brinca com chocalho ou com móbile. Trabalha a relação causa e efeito. Distingue os sons de sua língua nativa. Vê somente sombras e a uma distância menor que 30 centímetros. O principal estímulo é o toque. 6 meses: leva o pé à boca. Está aprimorando sua percepção do mundo. [...]


[...] Os produtos não devem exigir muita interação entre as crianças De oito a doze anos As crianças nesta faixa etária estão no estágio de Regras e Papéis. É uma fase que funciona como parte do processo de estabelecer sua identidade e autonomia "crescida". A criança desta fase se dissocia da fase anterior. Ela precisa fazer as coisas das crianças menores parecerem erradas para ela. Ela repele as coisas associadas ao período anterior. Esta característica pode começar já aos 6 ou 7 anos. [...]

Mais Vendidos marketing

Projeto integrado multidisciplinar - Cosmos Cosméticos S/A

 Administração e marketing   |  Marketing   |  Estudo de caso   |  15/12/2008   |  BR   |   .doc   |   24 páginas

Os desafios da produção na atualidade

 Administração e marketing   |  Marketing   |  Estudo   |  15/02/2007   |  BR   |   .doc   |   5 páginas

Últimos trabalhos marketing

O PlanejamentoTributário

 Administração e marketing   |  Marketing   |  Estudo   |  12/12/2012   |  BR   |   .doc   |   26 páginas

Ações Prejudiciais a Execução

 Administração e marketing   |  Marketing   |  Estudo   |  09/12/2012   |  BR   |   .doc   |   14 páginas