Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Planos de cargos e salários

Informações sobre o autor

SUPERVISOR EM ENFERMAGEM
Nível
Especializado
Estudo seguido
ADMINISTRAÇÃO

Informações do trabalho

CARLA A.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
artigo
Número de páginas
23 páginas
Nível
Especializado
Consultado
2 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
1 Avaliaçao cliente
4
escrever um comentário
  1. Diagnóstico da empresa "ST Estruturas" e pesquisa de marketing

O relatório de estágio apresentado tem por finalidade abordar uma temática discutida nas empresas ? o plano de cargos e salários. Em decorrência desta variável, o ambiente de trabalho poderá sofrer influências negativas, gerando descontentamento, desmotivação e perda da qualidade da assistência. Ressaltando, que nem sempre as causas disto estão no empregado, mas na organização, na supervisão deficiente, na falta de motivação, nas condições de trabalho e na sua pouca integração com a instituição.

O estudo mostra que a instituição está preocupada com isso, mas é necessário que a liderança se preocupe também e comece a procurar saídas para mudar o quadro atual, seja através da persuasão, através de incentivos, ou através de mudanças na maneira de lidar com as pessoas, é preciso que o líder tenha o poder de detectar e verificar as causas e as conseqüências da ausência de cargos e salários para a instituição, bem como analisar e apurar dados pesquisados.

Para se realizar o estudo acerca das variáveis apresentadas em detrimento do tema referido, torna-se necessário à busca por fontes teóricas capazes de criar subsídios à construção de todo fundamento que se seguirá no capítulo posterior. Os autores destacados são: Robbins (2005), Rodrigues (2005), Dejours (2002) e outros de modo a que este relatório tenha uma visão cada vez maior e completa com um conhecimento mais acentuado e aprofundado acerca de novos valores, conhecimentos e aprendizados.

Este relatório visa à ampliação das fronteiras de conhecimento bem como uma maior capacitação profissional buscando transmitir o tema abordado de maneira a dar apoio à pesquisa de especialistas, demonstrando maneiras pelas quais se podem obter vantagens e diferenciação diante de um ambiente complexo e repleto de mudanças. Serve de apoio e contribuição também, às instituições que procuram excelência no atendimento através da boa qualidade de vida ofertada aos seus profissionais.

O objetivo geral desse estudo é verificar as conseqüências da ausência do plano de cargos e salários, de modo a fortalecer a instituição e conseqüentemente aumentar a satisfação das pessoas, demonstrando a importância das políticas e das práticas de RH; revelando os principais impactos na instituição provocados por estas variáveis. Como objetivos específicos se têm a elaborar um levantamento das tarefas e descrição das funções; analisar a classificação dos cargos; identificar junto ao RH, o perfil do cargo para propósitos como recrutamento de seleção, promoção e treinamento; e estudar sugestões para o desenho de cargos.

Partindo-se da idéia de um maior aprofundamento do assunto em questão, expõe-se que o tipo de pesquisa a ser utilizada será a exploratória e descritiva em virtude de que, pretende-se descrever o que será colhido e explorado durante o tempo de realização da pesquisa. Para tanto, vê-se necessário a recorrência a livros, meios eletrônicos e revistas como ferramentas para dar suporte e apoio a este projeto de estudo além da pesquisa de campo. No que se refere ao método de abordagem a ser utilizado, o que se aplica é o indutivo, uma vez que é considerada a necessidade de uma reflexão para uma posterior análise dos dados fornecidos pelo questionário que será aplicado.
O universo que será explorado na instituição referente deste relatório, com foco na área de Recursos Humanos como área estratégica para o alcance de um relacionamento duradouro entre instituição e funcionário, conforme exposto no tema abordado. Os sujeitos da pesquisa serão os funcionários lotados na instituição objeto de estudo. Percebendo-se que, a instituição objeto de estudo possui, como já mencionado, uma estrutura linear centrada na chefia como parte exclusiva de autoridade e que, para toda reestruturação de uma instituição é necessário o passo inicial da alta direção para agilização da implementação de um todo organizacional que se alinhe e foque seus serviços no cliente, entende-se então que, pela facilidade de acesso que existe entre o investigador e o presidente da instituição em estudo, sendo este a fonte de informação que o instrumento de pesquisa procurará absorver, o tipo de amostra escolhida será a não-probabilística por acessibilidade, pois nota-se ser a ideal para o curso investigativo a ser realizado. O estágio supervisionado está sendo realizado na JUCESE - Junta Comercial do Estado de Sergipe, no período de fevereiro a junho do ano corrente.

Utilizar-se-á neste relatório o questionário como instrumento com o intuito de colher dados para posterior reflexão, pensando nesta ferramenta como um meio eficiente de se medir cada variável em detrimento das atividades realizadas pela instituição.

O presente projeto se justifica através de sua contribuição para os conhecimentos relacionados à qualidade dos serviços, impulsionados pela motivação individual e de equipe, principalmente levando-se em consideração que a instituição depende cada vez mais do conhecimento, habilidades, criatividade e motivação da sua força de trabalho.

Outro ponto que justifica, é o tema ser atual e necessário para nortear as ações na instituição e promover a participação das pessoas em todos os aspectos do trabalho, obtendo a sinergia entre equipes, formando equipes competentes com alto nível de desempenho e comprometimento.

Sendo assim, este estudo torna-se importante por analisar a motivação em um contexto em que as inovações tecnológicas disponíveis pressionem as empresas a passarem por mudanças rápidas e constantes em um ambiente interno e externo, bem como aproveitar a potencialidade das pessoas numa ação pró-ativa que possibilite uma antecipação às mudanças, alcançando assim, resultados significativos e inovadores.

A instituição em foco é a Junta Comercial do Estado de Sergipe, conhecida como JUCESE, localizada na Rua Própria, 315 ? Bairro Centro, CEP 49010-020, Aracaju/SE, foi criada na Lei Estadual nº. 245, de 08 de Novembro de 1897. Atualmente é presidida por José Marcos de Andrade que está em seu primeiro mandato.

O ramo de atuação da JUCESE é de executar os serviços do Registro do Comércio e Atividades Afins. Disponibiliza um estudo à solução de processos referentes a proposta de contratos, alterações e extinções, e demais assuntos relacionados com a JUCESE, assim como exerce ampla fiscalização jurídica sobre as atividades do Registro do Comércio.

[...] % falta de comunicação Fonte: Pesquisa própria de campo/2007 Não foi percebido nenhum clima de rivalidade entre todos os setores da JUCESE, e sim, percebeu-se um ambiente agradável sem brigas e de muitas conversas amigáveis, a comunicação com os cargos superiores também foi algo bastante comentado pois há uma facilidade de conversação por parte do presidente ser uma pessoa nova e bem instruída SUGESTÕES DE MELHORIA Após a análise da situação encontra na JUCESE, o presente relatório possibilita elaborar algumas sugestões de melhoria relacionadas à motivação, objetivando desta forma promover a satisfação dos seus funcionários: Desenvolver programas de motivação, focados nas necessidades dos clientes internos. [...]


[...] Sistema que oferece valor agregado para os empregados, é compreendido por variáveis, ações da empresa, planos de aposentadoria e alternativas criativas. Uma remuneração que considere a habilidade, competência e o desempenho dos profissionais. (Fonte: ROBBINS, Stephen Paul. Administração: mudanças e perspectivas ed. São Paulo: Saraiva, 2005). Significa virtude, capacidade, qualquer pessoa é capaz de realizar isso. Barreira interna, resistência a mudanças. Entende-se como a busca de melhores condições de vida, devendo ser enfatizada a promoção da saúde, englobando diversos fatores que determinam a qualidade de vida da população. [...]


[...] Não adianta, também, ter uma boa equipe de profissionais se os processos são lentos e atrapalham a empresa em termos de velocidade, flexibilidade, custo e qualidade, que são instrumento de vantagem competitiva. Os funcionários terão maior oportunidade de colocar seu talento em pratica quando os processos internos são eficientes. Ambientes de pouco reconhecimento ou que não apresentam boas condições de trabalho serão uma fonte pobre de estímulos a motivação pessoal e ao comprometimento com os objetivos da empresa. Fitzsimmons (2002, p. [...]

Estes documentos podem interessar a você

Planos de cargos e salários

 Administração e marketing   |  Contabilidade   |  Estudo   |  08/12/2006   |  BR   |   .doc   |   14 páginas

Gerenciamento de cargos e salários por habilidades

 Administração e marketing   |  Recursos humanos   |  Monografia   |  03/01/2007   |  BR   |   .doc   |   25 páginas

Últimos trabalhos recursos humanos

Administração de cargos : análise de cargos em um ambiente em mudança

 Administração e marketing   |  Recursos humanos   |  Estudo   |  30/01/2010   |  BR   |   .ppt   |   28 páginas

Relações interpessoais na formação de times de trabalho

 Administração e marketing   |  Recursos humanos   |  Estudo   |  03/01/2010   |  BR   |   .ppt   |   30 páginas