Ou baixar através de : Permuta

Informações sobre o autor

 
Nível
Avançado
Estudo seguido
enfermagem
Faculdade
centro...

Informações do trabalho

Data de Publicação
27/09/2006
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
estudo de caso
Número de páginas
17 páginas
Nível
avançado
Consultado
1202 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
2 Avaliaçao cliente
5
escrever um comentário

Broncopneumonia

  1. Patologia
  2. Anamnese
  3. Observação física
  4. Desenvolvimento segundo Mary Sheridan
  5. Planeamento
  6. Farmacologia

As bases de assistência à criança têm modificado nas últimas décadas, muito devido a estudos realizados nas áreas médicas, humanas e sociais. Cada vez mais o profissional de saúde tem não só em vista as necessidades da criança, ao prestar os cuidados, mas também as necessidades da família da criança hospitalizada. O modelo de assistência à criança que mais se adequa a este visão é o modelo centrado na criança e família.
O profissional de saúde está atento às necessidades da criança tentando satisfaze-las: preparando a criança antes de qualquer cuidado que lhe seja prestado, insistindo na presença dos pais e seus benefícios para que a criança melhore rapidamente, proporcionando um ambiente calmo, o mais parecido possível com o ambiente domiciliar e proporcionando-lhe momentos de diversão tendo como base a idade e reacções da criança.
Neste modelo é também valorizada a presença dos pais durante a hospitalização e sempre que esta se verifique o profissional de saúde apoia a família deixando que seja ela a primeira responsável pelos cuidados de saúde à criança, de forma a manter ou reforçar as ligações entre pais e filhos e minimizar o mais possível a ansiedade de separação.
Desenvolverei o estudo de caso de acordo com este modelo, uma vez que, penso ser o que vai de encontro às necessidades da criança e família à qual prestei cuidados de Enfermagem.
A criança F.F. esteve internada no serviço de Pediatria do Hospital Distrital de Bragança com o diagnóstico de Broncopneumonia.
Os objectivos deste trabalho são:
• Aprofundar o conhecimento sobre o processo de enfermagem e aplicá-lo a uma criança de acordo com o modelo descrito anteriormente;
• Aprofundar os conhecimentos sobre a patologia da criança;
• Aplicar os conhecimentos teóricos e práticos adquiridos;
• Ter uma visão global das necessidades da criança e da família;
• Planear os cuidados de enfermagem de acordo com as necessidades da criança e família.
Estruturalmente este trabalho divide-se em:
• Introdução
• Abordagem da patologia
• Avaliação do desenvolvimento da criança
• Elaboração do plano de cuidados
• Conclusão

[...] Respiração não ruidosa à auscultação, nem tosse. Risco de insónia Acções de enfermagem: Proporcionar um ambiente calmo e com pouca luminosidade; Estar informada sobre os hábitos de sono e repouso em casa e respeitá-los; Vigiar as horas de sono diurnas; Vigiar possíveis sinais de cansaço na criança. Avaliação final: A criança não apresenta sinais de cansaço. Alta clínica. Acções de enfermagem: Informar a criança e pais sobre a alta clínica; Entregar a carta para o médico de família e receita médica; Fazer ensino à mãe sobre o horário da medicação, dose e principais cuidados a ter com a medicação; Fornecer ao acompanhante da criança um questionário acerca da opinião sobre o serviço; Retirar o cateter; Fazer as notas de alta e retirar o processo da capa; Retirar a folha da terapêutica do cardex e colocá-la no processo; Dar alta para a farmácia; Encaminhar a criança para o exterior; Retirar a criança do quadro. [...]


[...] Estruturalmente este trabalho divide-se em: Introdução Abordagem da patologia Avaliação do desenvolvimento da criança Elaboração do plano de cuidados Conclusão 1-PATOLOGIA Broncopneumonia A pneumonia é um grupo de afecções pulmonares devidas a microorganismos evoluindo de forma aguda com febre elevada, tosse, pontada, dificuldade respiratória mais ou menos marcada, sinais estes relacionados com a inflamação de extensão variável, dos alvéolos, associada ou não a lesões bronquiolares. Na sua origem podem estar bactérias ou vírus. Uma das afecções que pertence a este grupo é a broncopneumonia causada por bactérias. [...]


[...] À nascença pesava 3,810 kg, tinha um comprimento de 49 cm e um perímetro cefálico de 37 cm. O índice de Apgar 1ºmin após o nascimento foi de 09 e 5ºmin após o nascimento foi de 10. Não foi necessária reanimação. O teste do pézinho foi realizado no dia 18/09/ - Alergias a medicamentos A criança não faz medicação diária. A mãe diz não ter conhecimento sobre alergias a medicamentos -HÁbitos alimentares da criança A criança foi alimentada com leite materno durante os 3 primeiros meses de vida, começando a partir do 3º mês a alimentar-se com leite artificial, introduziu o leite de vaca ao1º ano de vida. [...]

...

Estes documentos podem interessar a você

Pneumonias na crianças

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo   |  31/01/2007   |  BR   |   .ppt   |   74 páginas

Doenças imunopreviníveis

 Biologia e medicina   |  Enfermagem   |  Estudo   |  20/04/2007   |  BR   |   .ppt   |   26 páginas

Mais Vendidos enfermagem

Angina do peito

 Biologia e medicina   |  Enfermagem   |  Estudo   |  11/12/2006   |  BR   |   .doc   |   13 páginas

Regulação da frequencia cardiaca

 Biologia e medicina   |  Enfermagem   |  Estudo de caso   |  25/09/2006   |  BR   |   .doc   |   5 páginas
Compra e venda de trabalhos acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.