Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Funções da Citocinas, Fator de Necrose Tumoral, Interferons e as Interleucinas

Informações sobre o autor

 
Nível
Para todos
Estudo seguido
enfermagem
Faculdade
Universidad...

Informações do trabalho

Franciele D.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
estudo
Número de páginas
5 páginas
Nível
Para todos
Consultado
0 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Citocinas
  2. Fator de Necrose Tumoral (TNF)
  3. Interleucina-1 (IL-1)
  4. Interleucina-2 (IL-2)
  5. Interferons
  6. IL-4, IL-5 E IL-6
  7. Mecanismo de Ação da Citocina Supressora na Resposta Imune

Entre 1950 e 1970 estudiosos realizaram a descrição de fatores protéicos produzidos por diferentes células que mediavam ações em ensaios biológicos.
Neste trabalho por meio de uma revisão bibliográfica, abordaremos sobre estes fatores em especial as citocinas, elementos do sistema imunológico, discorrendo sobre seu conceito, funções, bem como sobre o FNT (Fator de Necrose Tumoral), Interferons e as Interleucinas.
Ao longo do desenvolvimento do estudo, será dado enfoque também sobre a utilização clínica das interleucinas, do FNT e dos interferons.

[...] Interferons É uma categoria das citocinas, os interferons são conhecidos por terem ação antiviral, interferindo o processo de adesão viral a uma célula e muitas vezes não permitindo que um vírus infecte uma célula já sobre ação parasita de outro vírus. Os leucócitos produzem diferentes tipos de ?-IFN, (uma família aproximada de 20 proteínas), enquanto os fibroblastos e outros tipos celulares sintetizam ?-IFN. Existe ainda um terceiro tipo de interferon o y-IFN que não faz parte da resposta imune inata. [...]


[...] Fator de Necrose Tumoral (TNF) O TNF (Fator de Necrose Tumoral) é sintetizado principalmente por macrófagos e monócitos, enquanto os linfócitos T secretam especialmente o TNF-?. A primordial atividade biológica do TNF é uma acentuação da citólise e da citoestase em diferentes linhagens neoplásicas, tendo ação antitumoral com grande significado. É o principal mediador na caquexia das neoplasias de ordem maligna com suas demais ações podendo ser comparadas as da IL-1 (Interleucina-1) como ação na hematopoese, na ativação de neutrófilos, monócitos/macrófagos, linfócitos T e aumentam também a migração transendotelial fato que confere uma importante ação fisiológica na defesa contra microrganismos é ainda um pirógeno endógeno, aumenta a reabsorção óssea, promove a lipólise, aumenta a proliferação de fibroblastos e eleva as concentrações das proteínas quando há fase aguda de inflamação. [...]

Mais Vendidos enfermagem

Sistema cardiovascular

 Biologia e medicina   |  Enfermagem   |  Palestra   |  13/10/2006   |  BR   |   .ppt   |   56 páginas

Doenças microbianas do sistema cardiovascular e linfático

 Biologia e medicina   |  Enfermagem   |  Palestra   |  02/10/2006   |  BR   |   .ppt   |   72 páginas

Últimos trabalhos enfermagem

A Importância da Enfermagem na Saúde Coletiva

 Biologia e medicina   |  Enfermagem   |  Estudo   |  07/11/2012   |  BR   |   .doc   |   8 páginas

Estudo de Caso: Transtorno Afetivo Bipolar (TAB)

 Biologia e medicina   |  Enfermagem   |  Estudo   |  10/05/2012   |  BR   |   .doc   |   9 páginas