Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Farmacologia clínica: Cefalosporinas

Informações sobre o autor

 
Nível
Especializado
Estudo seguido
medicina
Faculdade
ITPAC

Informações do trabalho

Frederico L.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
.ppt
Tipo
palestra
Número de páginas
18 diapositivo
Nível
Especializado
Consultado
494 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Histórico
  2. Mecanismo de ação
  3. Efeitos colaterais
  4. Interações medicamentosas

Histórico: 1948 em Sardenha- Cephalosporium acremodium. Filtrados não tratados de cultura desses fungos inibiam in vitro o crescimento do S. aureus e curavam infecções estafilocócicas e febre tifóide em seres humanos . Com o isolamento do núcleo ativo da cefalosporina c( ác. 7 aminocefalosporâmico ) e o acréscimo de cadeias laterais tornou-se possível produzir compostos semi-sintéticos com uma atividade maior do que a substância original. Mecanismo de ação : Inibem a síntese da parede celular semelhantes ás penicilinas Ligação com ptn específicas de ligação da penicilina(PBP) Inibição da síntese da parede celular através do bloqueio da transpeptidase de peptidioglicano. Ativação de enzimas autolíticas na parede celular, resultando em lesões que vão causar a morte da bactéria

[...] Cefalosporinas Geração Cefalosporinas 4 º Geração Ativa contra muitas Enterobacteriaceae resistentes a outras Cefalosporinas de 3º geração. Tratamento de infecções hospitalares. Boa penetração no líquido cefaloraquidiano. Maior estabilidade em relação à hidrólise pelas betalactamases mediadas por plasmídeos ou cromossomos. Cefalosporinas: Efeitos Colaterais Reações de hipersensibilidade a.1) Anafilaxia, Febre, Erupções Cutâneas, Nefrite, Granulocitopenia, anemia Toxicidade b.1) Após injeção intramuscular: Irritação local e pode produzir dor intensa(cefalotina e cefapirina). b.2)Após injeção intravenosa: tromboflebite b.3) Nefrotoxicidade (Nefrite intersticial, N.T.A.) Efeitos Colaterais Efeitos secundários c.1) Superinfecção: devido a resistência de alguns microrganismos às cefalosporinas de 2º e geração. [...]

Mais Vendidos farmácia

Controle de qualidade de amostra de plantago major

 Biologia e medicina   |  Farmácia   |  Monografia   |  09/10/2006   |  BR   |   .doc   |   15 páginas

Últimos trabalhos farmácia

Protetores Solares

 Biologia e medicina   |  Farmácia   |  Estudo   |  01/06/2011   |  BR   |   .doc   |   17 páginas

Atividades Estruturadas de Farmácia Hospitalar

 Biologia e medicina   |  Farmácia   |  Estudo   |  01/06/2011   |  BR   |   .doc   |   10 páginas