Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

A clínica e o tratamento da esterilidade masculina

Informações sobre o autor

Medico
Nível
Especializado
Estudo seguido
Universidad...

Informações do trabalho

MIHAI SORIN D.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
estudo dirigido
Número de páginas
12 páginas
Nível
Especializado
Consultado
17 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Introdução
  2. A importância da fotografia na campanha publicitária
    1. Características da linguagem fotográfica aplicada á publicidade
  3. a fotografia como um elemento de comunicação importante
    1. O que é mais importante: texto ou foto?

A esterilidade masculina, isto e, a impossibilidade do homem de procriar não e uma eventualidade tão rara. A incidência é em volta de 30-40% dos casos de esterilidade.
O que e característico por essa parte do capitulo da esterilidade e que, na maioria dos casos, se o homem estiver submetido a um exame clinico competente e atento, existe uma causa bem definida, o que de bom prognostico. Também na maioria das vezes, se a esterilidade for tratada corretamente, ela acaba sendo curada e a função reprodutiva chega a ser quase normal ou normal mesmo.
O teste pos-coito e a espermograma são os principais instrumentos para avaliar a vitalidade dos espermatozóides. O diagnostico de esterilidade masculina e evocado em presença de um teste pos-coito patológico.
A espermograma só vai confirmar a responsabilidade do homem se o teste pos-coito estiver negativo.

[...] Pesquisa de outras doenças metabólicas ou endócrinas: Ver se existe algum diabete, doseando a glicemia, não somente em jejum, mas pela hiperglicemia provocada Ver se existe alguma dano tireoidiano doseando a tiroxinemia livre e iodotironina ou TSH. A ETIOLOGIA DA ESTERILIDADE MASCULINA OLIGOASTENOSPERMIA A mais freqüente, a limite e difícil de estabelecer. Em pratica admite-se que ela comece abaixo de 20 milhões espermatozóides/ml e astenospermia abaixo de A associação deles e extremamente freqüenta. Oligoastenospermia pode ter as seguintes causas: Criptorquidia a causa mais freqüente. Os testículos são normais e diminuídas de volume, unilateral ou bilateral. O diagnostico, em maiorias das vezes sendo muito difícil. [...]


[...] Finalmente das esterilidades do homem não tem explicação O tratamento da esterilidade masculina vai ser começado somente depois uma avaliação clinica completa, e o casal vai ser informado sobre as chances de dar certo OU NÃO. As etiologias que mais dão resultados favoráveis são: A esterilidade infecciosa As esterilidades secretórias de origem hipotálamo- hipofisarios O varicocele ANTIBIOTERAPIA E o tratamento a ser eleito no caso de doença infecciosa, sem obstrução. Normalmente e um tratamento difícil a fazer, porque tem que ser prolongado e as vezes repetido ou modificado em função dos resultados clínicos bacteriológicos e sorológicos. [...]


[...] T. (Gamet Intra Fallopian Transfer) Ou, em português, fertilização com gametos alojados intra-tubar, e uma tecnica que usa ovocitos recolhidos na epoca preovulatoria, junto com espermatozoidos capacitados. Reportaram resultados melhores que a FIV, mas também o inconveniente e que não pode saber se a fecundação aconteceu ou não. Z. I. F. T. (Zigot Intra Fallopian Transfer) Consta no alojamento, depois a fecundação em vitro do zigoto na tuba uterina, utilizando a celioscopia. E uma técnica muito útil na esterilidade imunológica. [...]

Mais Vendidos medicina

Trabalho sobre educação física e a importância do esporte no ensino

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo   |  15/05/2007   |  BR   |   .doc   |   16 páginas

Gestação múltipla

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Dissertação   |  21/11/2007   |  BR   |   .doc   |   21 páginas

Últimos trabalhos medicina

Fisiologia e Anatomia em Otorrinolaringologia

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo   |  25/09/2012   |  BR   |   .ppt   |   13 páginas

Diagnóstico e tratamento das Otites

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo   |  25/09/2012   |  BR   |   .ppt   |   27 páginas