Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Bilirrubina

Informações sobre o autor

 
Nível
Para todos
Estudo seguido
medicina
Faculdade
PUCPR

Informações do trabalho

Carolina F.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
.ppt
Tipo
estudo
Número de páginas
46 diapositivo
Nível
Para todos
Consultado
180 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Bilirrubina
  2. Hepatócitos
  3. Icterícia

A transformação da bilirrubina de forma que ela possa se tornar hidrossolúvel e portanto excretável, ocorre em 5 etapas: Formação Transporte plasmático Captação hepática Conjugação Excreção biliar São formados cerca de 250 a 350 mg de bilirrubina todos os dias 70 a 80% é formado a partir da degradação de hemácias senescentes Os 20 a 30% restantes derivam de proteínas hêmicas localizadas na medula óssea e fígado A bilirrubina é um pigmento de cor laranja ou amarelo presente na bile É o principal produto do catabolismo da hemoglobina É produzida pelas células reticuloendoteliais na medula óssea, no baço e em outros locais e alterada quimicamente no fígado e de lá excretada na bile até duodeno

[...] Portanto a bilirrubina também é responsável pela coloração das fezes e urina devido as urobilinas ou estercobilinas que se apresentam como compostos corados Quando se dosa a bilirrubina com a adição de solução aceleradora diz-se que é a bilirrubina total porque se tem a soma das bilirrubinas direta e indireta A quantificação da bilirrubina em amostras sanguíneas constitui um valiosíssimo instrumento diagnóstico na avaliação de doenças hepatobiliares e hematológicas, do tipo hemolíticas, que ocorrem devido a alterações no metabolismo da bilirrubina A dosagem deste produto presente no líquido amniótico ajuda na avaliação da eritroblastose fetal A predominância de taxas elevadas de bilirrubina indireta indica doença hemolítica Se a hemólise continuar, tanto os níveis de bilirrubina direta quanto indireta podem se elevar No recém-nascido, a concentração sérica de BI aumentando mais de 5mg/dl por dia sugere esta patologia A doença hemolítica ocorre quando há adaptação lenta do fígado à função de eliminar a sobrecarga de bilirrubina Níveis elevados de bilirrubina sérica indireta freqüentemente indicam comprometimento hepático Outras causas de bilirrubina indireta elevada incluem deficiências enzimáticas congênitas, tais como doença de Gilbert Outras patologias que se caracterizam por aumento sérico de BI: policitemia, malaria, hemoglobinúria paroxística e transfusão de sangue incompatível A predominância de taxas elevadas de bilirrubina direta indica doenças hepáticas ou colestase (obstrução biliar) No recém-nascido, a concentração sérica de BD maior que 1,5 a 2mg/dl sugere disfunção do hepatócito Geralmente na colestase neonatal e do lactente jovem, há também aumento da BI, porque as causas da colestase quase sempre determinam disfunção hepatocelular (parenquimatosa) Se a obstrução continuar, tanto os níveis de bilirrubina direta quanto indireta podem tornar-se elevados Outras patologias que se caracterizam pelo aumento da BD: hepatite por vírus e necrose hepática aguda Avaliando todas as causas de aumento dos dois tipos de bilirrubina, enfatiza-se o diagnostico rápido e eficaz dos quadros metabólicos e infecciosos; afinal, as implicações prognosticas são graves e devem ser tratadas com urgência A partir disso, observa-se a importância dos testes realizados para determinar a concentração sérica de BD e BI. [...]


[...] Esta bilirrubina é chamada de não-conjugada ou indireta e circula no sangue ligada a albumina por ser insolúvel em água O fígado apresenta um papel muito importante no metabolismo da excreção da bilirrubina Em algumas horas a bilirrubina livre é absorvida pelas membranas celulares dos hepatócitos Ao chegar nos hepatócitos é liberada da albumina e cerca de 80% dela é conjugada, no retículo endoplasmático liso, ao ácido glicurônico a fim de formar glicuronídeo de bilirrubina, cerca de 10% dela se unirá ao sulfato a fim de formar sulfato de bilirrubina e os 10% restantes irá se associar a diversas outras substâncias HEPATÓCITOS Sob essas associações, glicuronídeo de bilirrubina,sulfato de bilirrubina entre outros, a bilirrubina será excretada facilmente dos hepatócitos, por ter-se tornado hidrossolúvel,por um processo de transporte ativo para o interior dos canalículos biliares e dali ou vai para o dudodeno, a fim de emulsificar os lipídeos ingeridos, através do ducto hepático e logo depois pelo ducto colédoco ou vai ser armazenada na vesícula biliar para posterior liberação no duodeno Uma vez no intestino, aproximadamente metade da bilirrubina conjugada por ação bacteriana é convertida,é desconjugada, numa substância denominada de urobilinogênio. [...]

Estes documentos podem interessar a você

Tratamento da Icterícia no RN

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Palestra   |  22/10/2006   |  BR   |   .ppt   |   22 páginas

Icterícia neonatal

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo   |  23/04/2007   |  BR   |   .ppt   |   73 páginas

Mais Vendidos medicina

Trabalho sobre educação física e a importância do esporte no ensino

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo   |  15/05/2007   |  BR   |   .doc   |   16 páginas

Gestação múltipla

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Dissertação   |  21/11/2007   |  BR   |   .doc   |   21 páginas