Ou baixar através de : Permuta

Informações sobre o autor

 
Nível
Especializado
Estudo seguido
medicina
Faculdade
ITPAC

Informações do trabalho

Data de Publicação
22/04/2007
Idioma
português
Formato
.ppt
Tipo
estudo
Número de páginas
30 diapositivo
Nível
Especializado
Consultado
419 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário

Cardiopatias congênitas

  1. Introdução
  2. Considerações iniciais
  3. Tolerabilidade
  4. Classificação
    1. Cianóticas
    2. Acianóticas
  5. Shunts
    1. Shunt direito=>esquerdo
  6. Modo de avaliação do Rn cardiopata
  7. Etiologias
  8. Diagnóstico precoce
  9. As oito cardiopatias congênitas mais comuns são
  10. CIA
  11. CIV
  12. PCA
  13. Defeito do septo atrioventricular
  14. Coarctação da Aorta
  15. Tetralogia de Fallot
  16. Transposição de grandes artérias
  17. Conclusão
  18. Bibliografia

Enquanto na maior parte dos adultos as cardiopatias têm origem isquêmica, em crianças as desordens cardíacas são em sua maioria de origem congênita. Existe um amplo espectro de apresentação clínica em lactentes ou crianças com defeitos cardíacos. . O diagnóstico desta anomalia estrutural é feito em: 40 a 50% dos pacientes durante a primeira semana de vida e, 50 a 60% dos casos, por volta do primeiro mês após o nascimento. Apesar dos avanços no diagnóstico e terapêutica destas doenças, as cardiopatias congênitas ainda são: A principal causa de mortalidade em crianças com malformações

[...] As anomalias cromossômicas estão envolvidas em grande parte dos diagnósticos: Na trissomia do 18 (Síndrome de Edwards): 90% dos pacientes tem cardiopatias congênitas associadas. Na trissomia do 21(Síndrome de Down): 50% das crianças apresentam algum tipo de má-formação cardíaca congênita. Etiologias Outras síndromes relacionadas com anomalias cardíacas são: Síndrome de Di George (hipocalcemia, Hipoplasia tímica, anomalias de face), Síndrome de Sprintzen (anomalia facial e fenda palatina); Grupo CATCH (Cardiac, Abnormal facies, Thymic hypoplasia, Cleft palate, Hypocalcemia). Etiologias 2 a São relacionadas a fatores maternos e efeitos teratogênicos: Diabetes mellitus, Fenilcetonúria, Llúpus eritematoso sistêmico, Rubéola congênita, Etiologias No sexo feminino: > freqüência de defeitos do tipo: Comunicação interatrial Comunicação interventricular Persistência do canal arterial Estenose pulmonar. [...]

...

Estes documentos podem interessar a você

Cirurgia cardíaca

 Biologia e medicina   |  Enfermagem   |  Estudo   |  22/12/2006   |  BR   |   .doc   |   27 páginas

Principais cardiopatias congênitas em cães e gatos

 Biologia e medicina   |  Veterinária   |  Estudo dirigido   |  29/06/2008   |  BR   |   .doc   |   23 páginas

Mais Vendidos medicina

Hormônio antidiurético (ADH) ou vasopressina

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo dirigido   |  31/01/2008   |  BR   |   .ppt   |   26 páginas

Avaliação laboratorial das doenças endócrinas

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo   |  13/04/2007   |  BR   |   .ppt   |   37 páginas
Compra e venda de trabalhos acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.