Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Etiopatogenia da AIDS

Informações sobre o autor

 
Nível
Avançado
Estudo seguido
administração
Faculdade
Faculdade...

Informações do trabalho

Vanessa C.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
.ppt
Tipo
estudo
Número de páginas
39 diapositivo
Nível
avançado
Consultado
283 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. AIDS

A AIDS constitui-se em uma AFECÇÃO causada pelo vírus da imunodeficiência humana (HIV) que leva a DISFUNÇÃO DO SISTEMA IMUNOLÓGICO do hospedeiro e o consequente surgimento de INFECÇÕES OPORTUNISTAS. O potencial patogênico e a transmissibilidade do HIV-2 são menores que os do HIV-1. Estudos têm mostrado que a TRANSMISSÃO VERTICAL do HIV-2 é cerca de 15-20 vezes menor que a do HIV-1, e indivíduos infectados pelo HIV-2 têm uma sobrevida mais longa. 40 milhões de pessoas estavam infectadas pelo HIV no MUNDO. Na AMÉRICA LATINA, 1,7 milhões de pessoas, entre adultos e crianças, vivem como portadores do HIV / AIDS (MS, 2005). No BRASIL desde o início da pandemia do HIV, aproximadamente 370 mil casos de AIDS já foram notificados pelo Programa Nacional de DST/AIDS.

[...] O TEMPO MÉDIO decorrido entre a infecção primária pelo HIV e o estabelecimento da doença AIDS em crianças apresenta EVOLUÇÃO MAIS RÁPIDA, e são descritos em 3 grupos diferentes em relação à progressão. Definição de Caso de AIDS em Crianças menores (MS 2004) CRITÉRIO CDC ADAPTADO Evidência laboratorial da infecção pelo HIV em crianças para fins de vigilância epidemiológica + Evidência de imunodeficiência: diagnóstico de pelo menos duas doença indicativa de AIDS de caráter leve e/ou Diagnóstico de pelo menos uma doença indicativa de AIDS de caráter moderado ou grave e/ou Contagem de linfócitos CD4+ menor do que o esperado para a idade atual CONTAGEM DE LINFÓCITOS T CD4+ DEFINIDORADE IMUNODEFICIÊNCIA DE ACORDO COM A IDADEFAIXA ETÁRIACONTAGEM TOTAL E PERCENTUAL Inferior a 12 meses< 1.500 células por mm3 1 a 5 anos< 1.000 células por mm3 6 a 12 anos<500 células por mm3 CONCLUSÕES A DOENÇA DIARRÉICA DA CRIANÇA é uma SÍNDROME FREQÜENTE, estando entre as principais causas de consulta, internação e letalidade em paises em desenvolvimento. [...]


[...] É DIFÍCIL DETECTAR ENTEROPATÓGENOS nestes pacientes já que habitualmente estão recebendo múltiplos QUIMIOTERÁPICOS que interferem na positividade dos exames específicos e também pela diversidade de germes habituais e oportunistas Os doentes podem ser acometidos por um QUADRO DIARRÉICO CRÔNICO nos quais não se encontra nenhum AGENTE ESPECÍFICO, além do HIV. FATORES ETIOLÓGICOS RELACIONADOS AO HOSPEDEIRO Microbiota saprófita Acidez gástrica Peristaltismo Imunidade FATORES ETIOLÓGICOS RELACIONADOS AO AGENTE Tamanho do inoculo Aderência Produção de toxinas Invasão CAUSAS DA GASTROENTEROCOLITE EM CRIANÇAS COM AIDS INFECCIOSAS ENTEROCOLITES ENTEROBACTERIAS Salmonella spp. Shigella spp. Campilobacter spp. Aeromonas spp./Plesiomonas spp. Clostridium difficile. Escherichia coli. Yersinia enterocolitica Vibrio parahemolyticus MICOBACTERIAS Mycobacterium tuberculosis. Mycobacterium avium-Intracellulare. PROTOZOOS Cryptosporidium. Microsporidium. Cyclospora spp. Isospora beli. [...]

Mais Vendidos medicina

Trabalho sobre educação física e a importância do esporte no ensino

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo   |  15/05/2007   |  BR   |   .doc   |   16 páginas

Gestação múltipla

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Dissertação   |  21/11/2007   |  BR   |   .doc   |   21 páginas

Últimos trabalhos medicina

Fisiologia e Anatomia em Otorrinolaringologia

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo   |  25/09/2012   |  BR   |   .ppt   |   13 páginas

Diagnóstico e tratamento das Otites

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo   |  25/09/2012   |  BR   |   .ppt   |   27 páginas