Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Insuficiência aórtica

Informações sobre o autor

 
Nível
Avançado
Estudo seguido
medicina
Faculdade
UFMG

Informações do trabalho

Raphael C.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
.ppt
Tipo
estudo
Número de páginas
36 diapositivo
Nível
avançado
Consultado
113 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Definição
  2. Etiologia
  3. Fisiopatologia
  4. Manifestações Clínicas
  5. Exame Físico
  6. Eletrocardiograma
  7. Radiografia
  8. Ecocardiograma
  9. Cateterismo Cardíaco e Angiografia
  10. Tratamento
  11. Conclusões

Insuficiência aórtica é o termo dado à condição na qual a válvula aórtica não se fecha adequadamente no final da sístole, permitindo assim que o sangue ejetado pelo ventrículo reflua para a cavidade ventricular. Em alguns casos a incapacidade da válvula também afeta sua abertura, resultando em uma válvula que não se abre adequadamente na sístole e não se fecha durante a diástole. A insuficiência cardíaca pode advir de duas entidades: Doença Primária Valvar. LesãoDoença Valvar Primária: 75% dos pacientes com IA única ou predominante são homens, nas mulheres predomina a IA valvar primária associada à lesão na valva mitral. A origem reumática é predominante em 66% dos pacientes, que resulta em espessamento, deformidades e encurtamento das cúspides da válva aórtica. Sendo que a origem reumática é menos comum naqueles indivíduos que possuem acometimento aórtico puro. da Raiz da Aorta.

[...] assim que o sangue ejetado pelo ventrículo reflua para a cavidade ventricular. Em alguns casos a incapacidade da válvula também afeta sua abertura, resultando em uma válvula que não se abre adequadamente na sístole e não se fecha durante a diástole. Etiologia A insuficiência cardíaca pode advir de duas entidades: Doença Primária Valvar. Lesão da Raiz da Aorta. Etiologia Doença Valvar Primária: 75% dos pacientes com IA única ou predominante são homens, nas mulheres predomina a IA valvar primária associada à lesão na valva mitral. [...]


[...] Em necropsias de pacientes com IA crônica, o coração pode estar tão dilatado a ponto de pesar > 1,000 g. Manifestações Clínicas Os sintomas mais comuns causados pela IA são sintomas relacionados à insuficiência cardíaca esquerda, ou seja, dispnéia aos esforços, ortopnéia e fadiga. Na IA aguda o choque pode surgir rapidamente. O surgimento dos sintomas geralmente evidencia disfunção do sistólica do VE. A angina também pode surgir nos pacientes com IA, mas é mais comum na EA, sendo que na IA é multifatorial. [...]

Estes documentos podem interessar a você

Cardiopatia isquemica

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Dissertação   |  24/07/2009   |  BR   |   .ppt   |   31 páginas

Mais Vendidos medicina

Trabalho sobre educação física e a importância do esporte no ensino

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo   |  15/05/2007   |  BR   |   .doc   |   16 páginas

Gestação múltipla

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Dissertação   |  21/11/2007   |  BR   |   .doc   |   21 páginas