Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Doenças do nariz e seios paranasais

Informações sobre o autor

 
Nível
Avançado
Estudo seguido
medicina
Faculdade
UFMG

Informações do trabalho

Raphael C.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
.ppt
Tipo
monografia
Número de páginas
91 diapositivo
Nível
avançado
Consultado
171 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Introdução
  2. Rinites
  3. Rinite alérgica
  4. Rinite vasomotora
  5. Rinites atróficas
  6. Rinite eosinofílica não-alérgica
  7. Rinite medicamentosa
  8. Rinites metabólicas
  9. Sinusites
  10. Epistaxe
    1. Epistaxe em crianças
    2. Epistaxes em adultos e idosos
  11. Polipose naso-sinusal

Filogeneticamente as funções primordiais do nariz são: a olfação, que é importante na escolha dos alimentos, na reprodução da espécie (atração sexual), na identificação de perigos (fogo, animais, etc.); a proteção das vias aéreas inferiores, pela filtração, purificação e umidificação do ar; e a estética  e social. Rinites Do ponto de vista clínico as principais rinites são a rinite alérgica, a rinite vasomotora, a rinite atrófica, a rinite eosinofílica não-alérgica  (NARES), a rinite medicamentosa e a rinite metabólica. Rinite alérgica É extremamente freqüente, sendo basicamente dividida em dois grupos: rinite alérgica perene, que ocorre geralmente nas concentrações urbanas e é relacionada a alérgenos ambientais, caseiros e industriais, e rinite alérgica sazonal, que ocorre principalmente nos campos e vizinhanças e é relacionada geralmente com os pólens.

[...] Os seios paranasais são estéreis em condições normais, e o fator mais importantes para manter essa esterilidade é o sistema imune local, principalmente as imunoglobulinas e a capacidade da mucosa de alterar a viscoelasticidade do muco. A grande maioria das sinusites é dependente do chamado complexo ostiomeatal (formado pelo óstio de drenagem dos seios paranasais anteriores, recesso frontal, bula etmoidal, processo unciforme e concha média). Este complexo ainda sofre impacto dos desvios do septo nasal e esporões septais, estreitamentos devido ao desenvolvimento anormal das células de Haller e hipertrofias das conchas médias. [...]


[...] Sinusites Para diagnosticar, orientar e tratar racionalmente as afecções dos seios paranasais é fundamental a compreensão da sua fisiologia normal e da fisiopatogenia de suas doenças. O epitélio respiratório que reveste os seios paranasais é protegido por um lençol mucoso bifásico, com uma camada superficial espessa e viscosa, cuja finalidade é reter as partículas que penetram nos seios, e uma camada profunda, menos viscosa, em contato com os cílios. A composição e a viscosidade de ambas as camadas são fundamentais no transporte mucociliar. [...]


[...] Os parenterais devem ser utilizados antes do início do tratamento com corticosteróides tópicos e são importantes, principalmente quando há alteração do olfato. As reações colaterais, contudo, são mais intensas e às vezes surgem soluços de difícil controle. e. Corticosteróides tópicos: bom efeito nas sinusites crônicas em alérgicos, na fase inicial da formação dos pólipos e no controle pós-operatório dos pacientes com polipose naso-sinusal. f. Corticosteróides intraturbinais: as injeções intraturbinais são muito eficazes, seguras e com bons resultados clínicos - Ativação da função mucociliar - Embora a função mucociliar seja dependente de vários fatores, como temperatura, umidade, pH, concentrações de oxigênio e dióxido de carbono, sua otimização pode ser um dos fatores determinantes na cura das sinusites, principalmente crônicas. [...]

Mais Vendidos medicina

Trabalho sobre educação física e a importância do esporte no ensino

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo   |  15/05/2007   |  BR   |   .doc   |   16 páginas

Gestação múltipla

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Dissertação   |  21/11/2007   |  BR   |   .doc   |   21 páginas

Últimos trabalhos medicina

Fisiologia e Anatomia em Otorrinolaringologia

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo   |  25/09/2012   |  BR   |   .ppt   |   13 páginas

Diagnóstico e tratamento das Otites

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo   |  25/09/2012   |  BR   |   .ppt   |   27 páginas