Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Gravidez na adolescência

Informações sobre o autor

 
Nível
Especializado
Estudo seguido
medicina
Faculdade
ITPAC

Informações do trabalho

Frederico L.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
monografia
Número de páginas
25 páginas
Nível
Especializado
Consultado
2 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
1 Avaliaçao cliente
5
escrever um comentário
  1. Crescimento e desenvolvimento puberal
  2. Dados do crescimento
  3. Psicologia na adolescência
  4. Sofrimento diante do espelho
  5. Virginidade
  6. A experiência de ser mãe na adolescência
  7. Pais adolescentes
  8. A gravidez na adolescência
  9. Os fatores que influenciam na gravidez na adolescência
  10. Fatores de risco da gravidez na adolescência
  11. Paternidade na adolescência
  12. Contracepção na adolescência
  13. Aborto na adolescência
  14. Doenças sexualmente transmissíveis na adolescência

Como foi apontado pelo Comitê sobre Adolescência do Grupo para o Adiantamento da Psiquiatria (EUA, 1968), quando o jovem torna-se biologicamente preparado para iniciar-se sexualmente começa a pensar sobre isso e, com o tempo, passa a desejar o coito. Contudo, falta-lhe maturidade suficiente para compreender fatores como a possibilidade de gravidez, o que isso significa e suas implicações para o futuro.

A grande parte das adolescentes entrevistadas não planejaram a gestação, apesar de revelarem ter consciência dos riscos de uma atividade sexual sem cuidados adequados. Normalmente as adolescentes que engravidaram nunca imaginaram que ficar grávida era algo que aconteceria com elas e por isso não realizavam anticoncepção, apesar de conhecerem os métodos.

A intimidade e a sexualidade são duas características que se estabelecem no desenvolvimento psicossocial do adolescente. Portanto, pode-se pensar que as adolescentes entrevistadas engravidaram com o intuito de desenvolver uma intimidade e uma sexualidade adultas com seu parceiro. Entretanto, uma vez que isso não foi planejado juntamente com eles, essa tentativa não proporcionou o que era esperado, já que o padrão encontrado foi o abandono pelos companheiros.

O diagnóstico da gestação normalmente é tardio, após os três meses. Muitas jovens negam que mantêm uma vida sexual ativa, assim como suas irregularidades menstruais, dirigindo-se ao médico com o pretexto de uma simples consulta. Na verdade, isso indica que elas não estariam tendo coragem para viver a própria existência, já que não enfrentaram a insegurança dos imprevistos

Em geral, a reação à notícia da gravidez foi adversa. As adolescentes pesquisadas relataram atitudes frente à gravidez: sentimentos de perplexidade, surpresa e arrependimento. Também foram relatadas reações de conformidade e de adaptação, já que a gravidez não foi uma escolha para essas jovens. Geralmente as reações dos namorados e da família são as mais diversas.

A participação em um programa de assistência pré-natal para adolescentes faz com que as informantes entendam sua nova condição de ser mãe, que surge na convivência com outras adolescentes grávidas.

A maioria das adolescentes grávidas optam por assumir a maternidade. No entanto, essa escolha altera o curso de suas vidas, acarretando dificuldades no que se refere aos aspectos escolar, profissional, afetivo e social. Portanto, o fato de haver levado a gravidez a termo não é suficiente para que essas jovens alcancem o status de adulta em todos os aspectos do desenvolvimento. Embora a decisão de assumir a gestação e a maternidade represente um comportamento autônomo, as adolescentes ainda mantêm certa dependência em relação à família e/ou ao companheiro.

Além disso, mesmo que os relacionamentos delas com os pais de seus filhos representassem um potencial para o desenvolvimento da intimidade, o padrão encontrado ( em maior parte dos casos ) revela descaso ou até mesmo desconhecimento por parte de seus namorados. Dessa forma, pode-se pensar que não foram estabelecidas relações de confiança, as quais envolveriam diálogo e respeito mútuo.

[...] Estes sinais e sintomas são intensificados na fase pré-menstrual. A candidíase pode ser transmitida por contágio sexual ou fatores endógenos que predispõem a multiplicação de fungos ( diabetes, gestação, contraceptivos hormonais O tratamento baseia-se na Alcalinização do meio vaginal, administração de Fluconazol. Nos homens a uretrite está ligada a balanite. Epidídimo Orquite venéreos Complicação de infecções por Gonococcos, Trichomonas e Ureplasma. Vaginose bacteriana É a infecção polimacrobiana de bactérias anaeróbias e Gardnerella vaginallis, ocorre também a diminuição dos lactobacilos. Clinicamente há corrimento abundante, fluido de cor branco-acinzentado que se intensifica após relação sexual ou na menstruação. [...]


[...] Há no mundo adolescente a falsa ilusão de que gravidez não está vinculado a risco, ainda aumenta o problema quando o parceiro sexual também é um adolescente com mesmas incertezas e dúvidas, contribuindo para não utilização de métodos anticoncepcionais Seleção de métodos Na hora de receitar anticoncepcionais, alguns parâmetros devem ser revistos A idade da jovem, deve-se eleger um contraceptivo na razão inversa da idade cronológica e direta da idade ginecológica ( anos após a mencarca ) 2 Estabilidade do casal 3 Idade do parceiro sexual 4 Presença de gestação anterior 5 Maturidade física e psicológica 6 Regularidade menstrual Métodos naturais São baseados no conhecimento de dias férteis e sinais destes. [...]


[...] Na verdade, isso indica que elas não estariam tendo coragem para viver a própria existência, já que não enfrentaram a insegurança dos imprevistos Em geral, a reação à notícia da gravidez foi adversa. As adolescentes pesquisadas relataram atitudes frente à gravidez: sentimentos de perplexidade, surpresa e arrependimento. Também foram relatadas reações de conformidade e de adaptação, já que a gravidez não foi uma escolha para essas jovens. Geralmente as reações dos namorados e da família são as mais diversas. A participação em um programa de assistência pré-natal para adolescentes faz com que as informantes entendam sua nova condição de ser mãe, que surge na convivência com outras adolescentes grávidas. [...]

Estes documentos podem interessar a você

Gravidez na adolescência

 Sociedade   |  Assuntos sociais   |  Estudo   |  19/09/2006   |  BR   |   .doc   |   6 páginas

Pronta para voar: Um novo olhar sobre a gravidez na adolescência

 Psicologia e letras   |  Psicologia   |  Fichamento   |  29/01/2007   |  BR   |   .doc   |   8 páginas

Mais Vendidos medicina

Trabalho sobre educação física e a importância do esporte no ensino

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo   |  15/05/2007   |  BR   |   .doc   |   16 páginas

Gestação múltipla

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Dissertação   |  21/11/2007   |  BR   |   .doc   |   21 páginas