Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Dirofilariose

Informações sobre o autor

A
Nível
Especializado
Estudo seguido
A

Informações do trabalho

Melissa S.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
.ppt
Tipo
estudo dirigido
Número de páginas
32 diapositivo
Nível
Especializado
Consultado
71 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Introdução
  2. Etiologia e patogenia
  3. Os vermes adultos são encontrados
  4. Achados clínicos
  5. Sintomas nos gatos
  6. Lesões
  7. Diagnóstico
  8. Tratamento e controle
  9. Tratamento
  10. Tratamento preventivo
  11. Tratamento em gato

É uma doença clínica ou subclínica complexa causada pelo verme filariforme Dirofilaria immitis. Distribuição é cosmopolita ao nível do mar dos trópicos e subtrópicos, mas é comum em muitas áreas de maiores elevações e latitudes, incluindo o Japão, várias partes da Austrália, América do Norte e Europa. Ocorre em todas as áreas infestadas por mosquitos, sintomas clínicos são observados principalmente em cães,embora os gatos e furões também sejam suscetíveis à infestação.

[...] Conclusão A dirofilariose é uma doença parasitária cardiopulmonar fatal para os cães e gatos, é considerada atualmente como um dos grandes problemas clínicos, que promete tornar-se mais sério com o tempo e ainda nenhuma solução realmente definitiva foi proposta. É causada pela Dirofilaria immitis, um parasita que se aloja no coração e artérias pulmonares de animais picados por mosquitos transmissores. A maioria dos cães e gatos infectados não apresenta sintomas clínicos até que a doença atinja um estágio mais avançado, facilitando assim sua transmissão para outros animais. [...]


[...] subtrópicos, mas é comum em muitas áreas de maiores elevações e latitudes, incluindo o Japão, várias partes da Austrália, América do Norte e Europa. Introdução Ocorre em todas as áreas infestadas por mosquitos, sintomas clínicos são observados principalmente em cães,embora os gatos e furões também sejam suscetíveis à infestação. Etiologia e patogenia As fêmeas adultas possuem , 27cm de comprimento e os machos, 17cm. As microfilárias que possuem, são eliminadas na corrente sangüínea onde permanecem ativas por 1 a 3 anos. [...]

Mais Vendidos veterinária

Herpesviridae

 Biologia e medicina   |  Veterinária   |  Artigo   |  29/06/2008   |  BR   |   .doc   |   19 páginas

mais Pontuados veterinária

Anatomia, Estrutura e Circulação Sanguínea da Glândula Mamária

 Biologia e medicina   |  Veterinária   |  Estudo   |  13/08/2012   |  BR   |   .doc   |   10 páginas