Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Hérnia perineal em caninos

Informações sobre o autor

A
Nível
Especializado
Estudo seguido
A

Informações do trabalho

Melissa S.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
.ppt
Tipo
estudo dirigido
Número de páginas
25 diapositivo
Nível
Especializado
Consultado
102 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Introdução
  2. Conceito 1
  3. Conceito 2
  4. Localização
  5. Prevalência
  6. Causas
  7. Conseqüências
  8. Tratamento cirúrgico
  9. Diagnóstico
  10. Conteúdo
  11. Preparação pré operatória
  12. Técnica operatória
  13. Cuidados pós operatórios

A hérnia perineal resulta da incapacidade do diafragma pélvico de suportar a parede retal. Em casos avançados o conteúdo pélvico e/ou abdominal protuem entre o diafragma pélvico e o reto. É a produção de um abaulamento subcutâneo ventro-lateral ao ânus e em casos bilaterais se observa uma projeção caudal do ânus. Resulta de um defeito na musculatura do diafragma pélvico, podendo permitir a herniação de vísceras pélvicas.

[...] A palpação perineal e retal é o passo mais importante no exame físico do animal com hérnia perineal. Avalia-se o grau de edema e a redutibilidade da hérnia. Se redutível, parte ou a totalidade do conteúdo do saco herniário é recolocado por manipulação manual no interior da cavidade abdominal. Conteúdo O conteúdo do saco herniário é constituído, por ordem decrescente de incidência: gordura retro-peritoneal, fluído seroso, reto, próstata, bexiga urinária e intestino delgado Preparação pré operatória Como a maioria dos pacientes são cães geriátricos, é recomendável a avaliação do estado geral do animal através do hemograma, acompanhado do perfil bioquímico e da análise de urina. [...]


[...] Se tal suceder, colocar uma sutura em bolsa de tabaco no ânus. Nos pacientes urêmicos deve manter-se a fluidoterapia. Cuidados pós operatórios No local da sutura podem aplicar-se compressas quentes, para diminuir o edema e a irritação na região perianal. Deve manter-se a administração de um antibiótico de largo espectro e eficaz contra Escherichia coli. Os emolientes fecais devem ser administrados em média durante 2 meses, pois diminuem as possibilidades de recorrência. Conclusão As hérnias perineais são uma patologia extremamente rara no gato. [...]

Mais Vendidos veterinária

Herpesviridae

 Biologia e medicina   |  Veterinária   |  Artigo   |  29/06/2008   |  BR   |   .doc   |   19 páginas

mais Pontuados veterinária

Anatomia, Estrutura e Circulação Sanguínea da Glândula Mamária

 Biologia e medicina   |  Veterinária   |  Estudo   |  13/08/2012   |  BR   |   .doc   |   10 páginas