Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

A evolução do PIB nos governos

Informações sobre o autor

 
Nível
Para todos
Estudo seguido
economia
Faculdade
centro...

Informações do trabalho

Denise S.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
estudo
Número de páginas
16 páginas
Nível
Para todos
Consultado
4 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Análise do PIB brasileiro por governos
    1. A economia brasileira na década de 70 - a origem da crise
    2. Governo de João Batista de Oliveira Figueiredo (1979 - 1984)
    3. Governo de José Sarney (1985-1989)
    4. Governo de Fernando Afonso Collor de Melo (1990 - 1992)
    5. Governo de Itamar Augusto Cautiero Franco - (1993 - 1994)
    6. Governo de Fernando Henrique Cardoso (1994 - 2002)
    7. Governo de Luiz Inácio Lula da Silva (2003 - 2006)

O produto interno bruto (PIB) representa a soma em valores financeiros de toda a produção econômica de uma determinada região ou parcela da sociedade (países, estados, etc), durante um período determinado (mês, trimestre, ano, etc).

Para medir essa produção econômica utiliza-se basicamente o produto interno bruto (PIB), que pode ser calculado de três maneiras diferentes: como a soma de todos os bens e serviços finais produzidos durante um período de tempo pela economia interna de um país ou como a soma do valor agregado criado por uma economia durante um determinado período de tempo e por último considerá-lo a soma das rendas geradas num país.

O objetivo deste trabalho será abordar a evolução do PIB por governos, a partir da década de 80 até os dias atuais e quais políticas adotadas influenciam no seu crescimento.

[...] O Plano Cruzado de imediato controlou a inflação e proporcionou aumento do poder aquisitivo da população e crescimento do consumo em todas as classes sociais. Meses depois, o plano começou apresentar problemas, as mercadorias desapareceram das prateleiras dos supermercados, os consumidores foram obrigados a pagar mais em relação ao preço estipulado pelo congelamento. Depois do fracasso do plano cruzado, a taxa mensal da inflação disparou de em outubro de 1986 para 27,7% em maio de 1987. Dessa forma, o déficit do setor público aumentou de do PIB em 1986 para em 1987. [...]


[...] No governo Itamar Franco este número atingiu crescendo nas duas administrações de FHC para e por fim, no governo Lula, já batendo o patamar de praticamente 40% do PIB. Ou seja, cada governo que passa retira maior parcela da riqueza dos bolsos da população com vistas a custear sua estrutura e funcionamento. O PIB acumulado nos quatro trimestres de 2004 cresceu em relação ao ano anterior, sua maior taxa anual desde 1994 em relação a 1993). A taxa do PIB resultou da elevação de no Valor Adicionado a preços básicos e do aumento de nos Impostos sobre Produtos. [...]


[...] Considerando-se este tipo de comparação o Consumo do Governo ampliou-se em CONCLUSÃO Através desse trabalho, explicamos o que ocorreu com o PIB no Brasil em cada ano, desde a década de 1980 e suas variações que ocorreram durante cada governo de forma clara e marcante para a economia brasileira. O PIB brasileiro passou por muitas oscilações ao longo dos anos citados, passando por um recesso em 1979 devido a crise do petróleo e com ela a dívida externa, porém em 1984 há uma reestruturação na [...]

Mais Vendidos economia

Economia e direito

 Economia e finanças   |  Economia   |  Estudo   |  21/09/2006   |  BR   |   .doc   |   10 páginas

A quantificação da realidade econômica

 Economia e finanças   |  Economia   |  Dissertação   |  17/12/2008   |  BR   |   .doc   |   3 páginas

Últimos trabalhos economia

Contribuição Sindical

 Economia e finanças   |  Economia   |  Estudo   |  21/11/2012   |  BR   |   .doc   |   6 páginas

Vantagens de Negocições Extrajudiciais

 Economia e finanças   |  Economia   |  Estudo   |  01/12/2011   |  BR   |   .doc   |   27 páginas