Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

A mensuração contábil do capital intelectual

Informações sobre o autor

 
Nível
Para todos
Estudo seguido
direito...
Faculdade
mauricio de...

Informações do trabalho

Maria I.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
monografia
Número de páginas
11 páginas
Nível
Para todos
Consultado
1 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
1 Avaliaçao cliente
4
escrever um comentário
  1. Ativos intagíveis
  2. Capital intelectual
  3. Mensuração contábil do capital intelectual

Será abordado neste estudo, um alvo de muitas discussões na atualidade do mundo contábil: o valor do capital intelectual. Fala-se muito que os relatórios fornecidos pela Contabilidade Financeira não demonstram a realidade atual da empresa, pois o preço de suas ações contabilmente encontra-se abaixo do seu valor de mercado. As recentes ondas de fusões e aquisições experimentadas no mundo dos negócios apresentam como uma de suas principais características a diferença citada anteriormente no valor das ações.
O motivo de ocorrerem tais negociações envolvendo valores dessa natureza se deve a existência, nas empresas negociadas, de ativos intangíveis não-contabilizados e muitas vezes invisíveis, responsáveis pela alteração no custo das ações. Esta distorção evidenciada no preço das empresas deve-se a existência do Capital Intelectual, um novo conceito na administração de empresas que conduz à necessidade de aplicação de novas estratégias, filosofia de gestão e formas de avaliação do valor da empresa.
A contabilidade encontra dificuldades para desempenhar o seu papel em face da nova realidade em que se vive, pois ela precisa encontrar formas de mensurar e contabilizar este capital intelectual

[...] Constitui a matéria intelectual, experiência que pode ser utilizada para gerar riqueza Mensuração contábil do capital intelectual Se a própria definição de Capital Intelectual ainda não está muito bem consolidada, quanto mais a sua mensuração e contabilização no campo objetivo da contabilidade. Em todo o mundo, as demonstrações das situações patrimoniais das empresas, deixaram de representar uma realidade. Isto se comprova quando se tem que vender uma empresa ou ceder parte do capital a terceiros. É comum a diferença entre os dados oficiais legais e a realidade das riquezas. [...]


[...] Assim sendo, os ativos intangíveis, são muito discutidos no mundo contábil em relação a sua mensuração, principalmente por ser a essência dos elementos que hoje formam o valor real da entidade, e como observa Martins (1972, p.54): "Talvez a característica mais comum a todos os itens do Ativo Intangível seja o grau de incerteza existente na avaliação dos futuros resultados que por eles poderão ser proporcionados." Em outras palavras, a falta de objetividade Capital intelectual O conceito para Antunes (1999, p. [...]


[...] de se buscar uma harmonização das práticas contábeis sintonizadas com a expectativa dos empreendedores e procurar estimular os contadores a desenvolverem mecanismos que permitam valorizar e mensurar nos balanços o valor do capital intelectual. Como os problemas que enfrentamos com a padronização das Normas Contábeis a nível global, também problemas surgirão na padronização de um modelo que evidencie e mensure o Capital Intelectual das entidades. Os tradicionais modelos contábeis, no que concerne aos parâmetros de avaliação do Patrimônio, objeto fim das avaliações, estudos e considerações da Contabilidade, requerem uma suplementação de informações, visto que um novo valor está influenciando diretamente o valor real das entidades, ou seja, o valor humano das organizações, conhecido como seu Capital Intelectual. [...]

Mais Vendidos economia

Economia e direito

 Economia e finanças   |  Economia   |  Estudo   |  21/09/2006   |  BR   |   .doc   |   10 páginas

A quantificação da realidade econômica

 Economia e finanças   |  Economia   |  Dissertação   |  17/12/2008   |  BR   |   .doc   |   3 páginas

Últimos trabalhos economia

Contribuição Sindical

 Economia e finanças   |  Economia   |  Estudo   |  21/11/2012   |  BR   |   .doc   |   6 páginas

Vantagens de Negocições Extrajudiciais

 Economia e finanças   |  Economia   |  Estudo   |  01/12/2011   |  BR   |   .doc   |   27 páginas