Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Introdução ao estudo da biblioteconomia

Informações sobre o autor

 
Nível
Para todos
Estudo seguido
outros
Faculdade
Fadiva

Informações do trabalho

JULIANO S.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
estudo
Número de páginas
12 páginas
Nível
Para todos
Consultado
161 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Introdução
  2. O livro
  3. O biblioteca
  4. Leitor/leitura
  5. O bibliotecário
  6. Alguns escritores
  7. Conclusão
  8. Referências bibliográficas

O assunto a ser tratado, é de grande importância. Nos vai proporcionar um melhor entendimento sobre o Livro como forma de vida humana, como conflito, a base física, sua autoria e seu conteúdo; a Biblioteca e seu novo conceito, suas diferentes categorias; o Leitor/leitura, leitor e não-leitor; o Bibliotecário, suas missões, suas formações, sua atualização; todos esses itens também no contexto do Brasil.
O termo "Biblioteconomia" deriva do termo biblioteca que é composto por biblio (livro) e theke (caixa), talvez por esse fato o público associe a palavra "Biblioteconomia" aos livros, à biblioteca, às técnicas empregadas e aos serviços prestados no âmbito desta instituição.
Já há algumas décadas, a área de biblioteconomia vem trabalhando com a informação independente de seu suporte físico (discos, patentes, cds, vídeos, anais de congressos, manuscritos, cartazes, fotografias, etc.) e da instituição que a possui. Assim, o objeto de estudo, as pesquisas, as atividades profissionais e o ensino na área deslocaram-se historicamente, do eixo livro (suporte) para informação (conteúdo), do controle do acervo de uma biblioteca para o acesso à informação por meio de canais de comunicação "formais" (documentos) e "informais" (pessoas, redes eletrônicas, colégios invisíveis).

[...] E no Brasil, o médico e humanista Benjamin Fraklin Ramiz Galvão que reformou a Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro; o jurista e educador Manuel Cícero Peregrino da Silva que dirigiu a Biblioteca Nacional promovendo a sua segunda reforma, ligando-se ao Instituto Internacional de Bibliografia, em Bruxelas e iniciando em 1915 o primeiro curso de biblioteconomia da América Latina; o historiador e bibliográfo Rubens Borba de Moraes, organizador da Biblioteca Pública Municipal de São Paulo e do curso de biblioteconomia da Escola de Sociologia e Política, promotor da terceira reforma da Biblioteca Nacional, tornando-se depois diretor da Biblioteca da Organização das Nações Unidas em Nova York. [...]


[...] A representação da linguagem verbal articulada surgiu muito depois em papiro. E o alfabeto apareceria mais de mil anos depois. Com o desenvolvimento científico e tecnológico surge a explosão bibliográfica, caracterizada agora em termos de livro. Paul Otlet estimou em 12 milhões o número de livros publicados no mundo após a invenção da imprensa. A estimativa atual é de 50 milhões. Em 1945 com o advento da fotocomposição, deflagrava a chamada "revolução de brochura", que foi aperfeiçoado cinco anos depois para "livro de bolso". [...]


[...] Fora da biblioteconomia tem outras acepções: nas universidades medievais indicava os professores, porque a transmissão de conhecimento era feita na base da leitura dos textos; nas universidades modernas indica o professor estrangeiro; nas editoras, costuma-se chamar ao que tem a incumbência de ler e julgar as obras inéditas propostas; nos estabelecimentos gráficos é aquele que ler em voz alta as provas tipográficas, enquanto o revisor anota as emendas das erradas; na hierarquia eclesiástica, é o diácono; nos seminários e mosteiros, aquele que ler alto durante as refeições; em informática, a palavra ficou mais polissêmica. [...]

Mais Vendidos cultura geral/filosofia

CNBB, Ética: Pessoa e sociedade, São Paulo, Paulinas, 1993

 Psicologia e letras   |  Cultura geral e filosofia   |  Fichamento   |  27/08/2006   |  BR   |   .doc   |   6 páginas

Últimos trabalhos cultura geral/filosofia

Influências do pós-modernismo no ensino superior

 Psicologia e letras   |  Cultura geral e filosofia   |  Estudo   |  27/03/2010   |  BR   |   .doc   |   20 páginas

O maniqueísmo, peste vinda do Oriente

 Psicologia e letras   |  Cultura geral e filosofia   |  Estudo   |  23/01/2010   |  BR   |   .doc   |   5 páginas