Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Transtornos dissociativos e conversivos (neuroses histéricas)

Informações sobre o autor

 
Nível
Avançado
Estudo seguido
medicina
Faculdade
UFMG

Informações do trabalho

Raphael C.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
.ppt
Tipo
estudo dirigido
Número de páginas
34 diapositivo
Nível
avançado
Consultado
175 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Introdução
  2. Formas clínicas
    1. Amnésia dissociativa
    2. Fuga dissociativa
    3. Estupor dissociativo
    4. Transtornos de transe e possessão
    5. Transtornos dissociativos de movimento e sensação
    6. Transtornos motores dissociativos
    7. Convulsões dissociativas
    8. Anestesia e perda sensorial dissociativas
    9. Transtornos dissociativos (ou conversivos) mistos
    10. Outros transtornos dissociativos (ou conversivos)
  3. Diagnóstico, tratamento e prognóstico dos transtornos dissociativos e conversivos

Introdução Platão, Hipócrates e Galeno fizeram as primeiras descrições sobre a histeria. O deslocamento do útero foi considerado um fator importante na sua origem. A doença seria produzida pelo estancamento de uma substância sexual, produzindo um efeito tóxico. Sydenham, em 1681, descreveu os primeiros casos de histeria masculina. Charcot evidenciou a importância dos fatores psicogênicos ao observar e descrever as grandes crises de histeria convulsiva. Ele afirmou que a histeria desafiava os rigores de seu método anatomoclínico.

[...] II) Transtorno de Personalidade Múltipla: Esse transtorno é raro e caracterizado pela presença aparente de duas ou mais personalidades distintas dentro de um indivíduo, com apenas uma delas manifestando-se a cada momento. Cada personalidade é completa, com suas próprias memórias, comportamentos e preferências. Diagnóstico, Tratamento e Prognóstico dos Transtornos Dissociativos e Conversivos O diagnóstico dos transtornos dissociativos e conversivos é feito a partir das evidências das formas clínicas relatadas anteriormente. A avaliação clínica e laboratorial, além da investigação neurológica cuidadosa, é extremamente necessária para afastar-se qualquer patologia de origem orgânica. [...]


[...] O prognóstico e o tratamento dos estados dissociativos e conversivos dependem de vários fatores associados, além dos sintomas específicos. A personalidade e as circunstâncias que se relacionam ao desencadeamento dos sintomas são especialmente importantes. Início agudo, experiência estressante relacionada ao início do quadro e apoio adequado encontrado no ambiente, especialmente na família, são fatores associados ao prognóstico favorável. Sintomas de longa duração, alto grau de invalidez e ganho secundário decorrente da incapacidade de lidar com as dificuldades emocionais são fatores desfavoráveis relacionados ao prognóstico. [...]

Mais Vendidos psicologia

O Complexo Materno e seus Aspectos Psicológicos

 Psicologia e letras   |  Psicologia   |  Estudo   |  15/01/2012   |  BR   |   .doc   |   7 páginas

Uma reflexão sobre a depressão e as suas principais causas na abordagem cognitiva comportamental

 Psicologia e letras   |  Psicologia   |  Estudo   |  03/11/2008   |  BR   |   .doc   |   17 páginas

Últimos trabalhos psicologia

O Complexo Materno e seus Aspectos Psicológicos

 Psicologia e letras   |  Psicologia   |  Estudo   |  15/01/2012   |  BR   |   .doc   |   7 páginas

A Psicopedagogia e Sua Relação no Modelo Educacional Evidenciando o Papel da Afetividade como...

 Psicologia e letras   |  Psicologia   |  Estudo   |  28/07/2011   |  BR   |   .doc   |   17 páginas