Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Resumo - Karl Marx

Informações sobre o autor

RECURSOS HUMANOS - PSICOLOGIA CLÍNICA
Nível
Para todos
Estudo seguido
GRADUAÇÃO...

Informações do trabalho

FERNANDA ANGÉLICA C.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
estudo
Número de páginas
13 páginas
Nível
Para todos
Consultado
6 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Dialética e materialismo
  2. Necessidades: produção e reprodução
  3. Forças produtivas e relações sociais de produção
  4. Estrutura e superestrutura
  5. Classes sociais e estrutura social
  6. Lutas de classes
  7. A economia capitalista
  8. O papel revolucionário da burguesia
  9. A transitoriedade do modo de produção capitalista
  10. Trabalho, alienação e sociedade capitalista
  11. Revolução
  12. Comunismo

Karl Marx com suas formulações teóricas acerca da vida social, principalmente a análise da sociedade capitalista e de sua superação, provoca um impacto nos meios intelectuais. Sua obra serve de inspiração àqueles envolvidos com a ação política. Com suas idéias iluministas, acreditava que a razão era a construção de uma sociedade justa para os homens. O desenvolvimento tecnológico a as revoluções políticas de sua época inspiraram sua crença no progresso em direção à liberdade. A complexidade e extensão de sua obra provocam interpretações controversas sobre a mesma. Busca-se a seguir, apresentar o pensamento marxiano, seus fundamentos conceituais e metodológicos.

[...] Esta expressa a existência de contradições numa estrutura classista, o antagonismo de interesses que caracteriza necessariamente uma relação entre classes, devido ao caráter dialético da realidade. A relação entre classes é conflitiva devido às diversas formas de opressão social, política, intelectual, religiosa, etc. A consciência de classes conduz, na sociedade capitalista, à formação de associações políticas que buscam a união solidária entre os membros da classe oprimida com vistas à defesa de seus interesses e ao combate aos opressores. A economia capitalista A sociedade capitalista é a forma de organização social mais desenvolvida e mais variada de todas já existentes e Marx, em seu livro O capital relata sua concepção da economia capitalista. [...]


[...] Além disso, ainda que Marx fosse explicitamente contrário às subdivisões dentro das ciências humanas, apropriou-se de certos temas e textos com vistas a aplicar o método histórico materialista à análise de questões contemporâneas. Movimentos políticos e sociais encarregaram-se também de examinar as proposições marxianas. CONCLUSÃO Podemos entender o pensamento de Marx como uma tentativa dele próprio de compreender a sociedade capitalista através da luta de classes, onde a minoria (capitalista) dita as regras para o viver e pensar da minoria (trabalhadores). [...]


[...] Marx considera que o trabalhador não se sente feliz, mortifica seu corpo e arruína seu espírito no trabalho que é obrigado a fazer, que é extenso a ele. Ele só se sente de fato livre em suas funções animais e em suas funções humanas sente-se como um animal. A extinção das diversas formas de alienação exige que as condições de trabalho e da vida prática apresentem aos homens relações transparentes e racionais com seus semelhantes e com a natureza reclama, então, uma sociedade onde o conflito entre homem e natureza e entre homem e homem se resolva: a sociedade comunista. [...]

Estes documentos podem interessar a você

Karl Marx

 Sociedade   |  Sociologia   |  Estudo   |  27/10/2006   |  BR   |   .doc   |   8 páginas

Mais Vendidos psicologia

O Complexo Materno e seus Aspectos Psicológicos

 Psicologia e letras   |  Psicologia   |  Estudo   |  15/01/2012   |  BR   |   .doc   |   7 páginas

Uma reflexão sobre a depressão e as suas principais causas na abordagem cognitiva comportamental

 Psicologia e letras   |  Psicologia   |  Estudo   |  03/11/2008   |  BR   |   .doc   |   17 páginas