Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Competência no âmbito escolar

Informações sobre o autor

 
Nível
Avançado
Estudo seguido
assuntos...
Faculdade
Administraç...

Informações do trabalho

Diego P.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
estudo
Número de páginas
5 páginas
Nível
avançado
Consultado
118 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Introdução
  2. Contribuindo competências no âmbito escolar: como fazer para entender e pôr em prática esse novo jeito de ensinar?
  3. Conclusão
  4. Referências bibliográficas

O professor precisa saber que a competência é visualizada através das suas atitudes frente aos acontecimentos de cada situação e a competência se constrói a cada momento, ao refletir sobre o processo de construção da sua identidade.
Por motivo do avanço tecnológico o professor tem que estar inserido em um processo permanente de busca de conhecimento, aperfeiçoamento das competências e preparação de estratégias eficientes de ensino. No entanto, este texto faz uma reflexão sobre as práticas inovadoras, as competências e como fazer para entender e pôr em prática esse novo jeito de ensinar.

[...] Ou seja, a escola não prepara o aluno para usar o conhecimento no seu dia-a-dia, os alunos acumulam saberes, passam nos exames, mas não conseguem mobilizar o que aprenderam em situações reais, no trabalho e fora dele (em família, na cidade, no lazer etc.). Isso é grave para aqueles que freqüentam aulas somente por alguns anos. A escola básica não deve ser uma preparação para estudos longos. Deve-se enxergá-la como uma preparação de todos para a vida. Formulando-se mais explicitamente os objetivos da formação em termos de competências, luta-se abertamente contra a tentação da escola de ensinar por ensinar, de marginalizar as referências às situações da vida e de não reservar tempo para treinar a mobilização dos saberes para situações complexas. [...]


[...] O professor deve, então, se colocar no lugar desses alunos. Aí ele começará a procurar meios de interessar sua turma pelo saber não como algo em si mesmo, mas como ferramentas para compreender o mundo e agir sobre ele. O principal recurso do professor é a postura reflexiva, sua capacidade de observar, de regular, de inovar, de aprender com os outros, com os alunos, com a experiência. Para o professor empregar as disciplinas dentro desse conceito, não precisa renunciar às disciplinas, que são os campos do saber, estruturados e estruturantes. [...]

Estes documentos podem interessar a você

A LDB e a educação dos alunos PNE (Portadores de Necessidades Especiais)

 História/geografia e idiomas   |  História   |  Estudo   |  23/11/2007   |  BR   |   .doc   |   6 páginas

A práxis educativa e o método da descoberta numa perspectiva interdisciplinar: uma análise de...

 Sociedade   |  Educação   |  Artigo   |  06/05/2009   |  BR   |   .doc   |   10 páginas

Mais Vendidos assuntos sociais

Resenha do livro "A cultura do dinheiro" de Fredric Jameson

 Sociedade   |  Assuntos sociais   |  Fichamento   |  17/10/2006   |  BR   |   .doc   |   5 páginas