Ou baixar através de : Permuta

Informações sobre o autor

Centro Federal de Educação Tecnolica de Santa Catarina -...
Nível
Especializado
Estudo seguido
Especialist...

Informações do trabalho

Data de Publicação
13/08/2008
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
monografia
Número de páginas
27 páginas
Nível
Especializado
Consultado
7 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário

Biossegurança no SUS (Sistema Único de Saúde): saúde do trabalhador

  1. Introdução
  2. Objetivo
  3. Aspectos históricos da saúde pública no brasil
  4. A saúde do trabalhador no sistema único de saúde
    1. Análise sobre o SUS no Brasil
  5. Política nacional de saúde do trabalhador ? nova proposta do mínistério da sáude
    1. Os trabalhadores que a PNST integra
    2. Estruturação da atenção integral à saúde do trabalhador no sus
  6. Biossegurança e a saúde do trabalhador

A preocupação com a saúde do trabalhador e a saúde ambiental tem demonstrado um grande crescimento nestes últimos anos. Tais crescimentos vêm viabilizar a construção de novos projetos, experiências e alternativas para complementar os inúmeros problemas enfrentados nessas áreas. As Universidades, instituições de pesquisa, serviços de saúde, sindicatos e organizações não-governamentais, estão dando suporte a iniciativas inovadoras para ações nestes campos.
No âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS), as ações em saúde do trabalhador têm se desenvolvido de forma isolada e fragmentada, tendo em vista a dicotomia na atuação dos órgãos responsáveis, em particular o Ministério da Saúde (MS), o Ministério da Previdência e Assistência Social (MPAS) e o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). E ainda tendo em vista outros órgãos aos quais compete melhor atuação, maior visibilidade, observa-se um padecimento e uma visão estreita da saúde do trabalhador. Estas ações são desenvolvidas também de forma desigual nos estados e municípios, como conseqüência isto tem se refletido nos indicadores de gravidade e mortalidade elevados (LACAZ, 2003).
A saúde e a segurança do trabalhador, dos pesquisadores nas instituições em especial públicas, expostos a riscos, acidentes, doenças provenientes do trabalho, demonstrou o puro interesse em conhecer o novo plano de atenção integral à saúde do trabalhador, a Política Nacional de Saúde do Trabalhador (PNST), é a nova proposta do Ministério da Saúde em conjunto com a Secretaria de Atenção à Saúde (SAS), Departamento de Ações Programáticas Estratégicas e a Área Técnica de Saúde do (a) Trabalhador (a) – Coordenação de Saúde do Trabalhador (COSAT), que tem como propósito promover a saúde e reduzir a morbimortalidade dos trabalhadores, com ações integradas e contínuas com a participação de todos os sujeitos sociais envolvidos.
Porém até então, não havia uma política e uma coordenação efetiva envolvida com a área de saúde do trabalhador, tornando-se imprescindível a sua implementação. O PNST vem para garantir que o trabalho seja realizado sob condições que contribuam para a melhoria da qualidade de vida, a realização pessoal e social dos trabalhadores, sem prejuízo para sua saúde, integridade física e mental. Assim transformando o trabalho como fonte de agravos e de morte, passamos a tê-lo como um fator de proteção e de promoção à saúde.
Fazendo-se uma analogia da saúde do trabalhador com a biossegurança que basicamente é definida como a segurança da própria vida, para a qual apresenta uma necessidade mais complexa de proteção e preservação de espécies do planeta, a mesma contempla medidas de prevenção ao ser humano, ao meio ambiente e a sociedade, procurando preservar a segurança nos ambientes de trabalho e a qualidade do trabalhador. A biossegurança envolve as tecnologias, agentes biológicos, biodiversidade, prevendo riscos e amenizando conseqüências agravantes e protegendo a saúde humana, animal e o meio ambiente (COSTA & COSTA, 2003).
Por esta razão, deve ser garantido o trabalho, a natureza, a distribuição da renda, as questões relacionadas às condições e ambientes de trabalho, tendo em vista a promoção, proteção e recuperação da saúde e a reabilitação profissional.
Assim, em face a este cenário, questiona-se: com tantos desafios de grande magnitude a fim de contemplar as diretrizes do Sistema Único de Saúde, como serão organizados as ações e os serviços na área de saúde do trabalhador e como apoiar a biossegurança neste contexto?

[...] Diante do exposto, o trabalho sai da conformação de produtividade e insere o ser humano homem trabalhador com suas crenças, valores, hábitos e culturas (VAZ, 1999) Os Trabalhadores que a PNST Integra A PNST define claramente os trabalhadores integrados na atenção, baseando-se no princípio de Universalidade do SUS (BRASIL p. 11). [ . ] são considerados trabalhadores todos os homens e mulheres que exercem atividades para sustento próprio e/ou de seus dependentes, qualquer que seja sua forma de inserção no mercado de trabalho, no setor formal ou informal da economia. [...]


[...] A abordagem das lesões por esforços repetidos/distúrbios osteomoleculares relacionados ao trabalho LER/DORT no Centro de Referência em Saúde do Trabalhador do Espírito Santo CRST/ES. In: estudo da saúde-doença e a relação com o processo de trabalho. Mestrado, Rio de Janeiro: Fundação Oswaldo Cruz, Escola Nacional de Saúde Pública cap p. 70-89. Disponível em: . Acesso em: 5 jul OPAS. Organização Pan-Americana de Saúde. Saúde do Trabalhador. Conceitos, p. 01-03. Disponível em: . Acesso em: 10 jun Plano Estadual de Saúde do Trabalhador. [...]


[...] Key-words: Worker Health, Biosafety, Unique Health System LISTA DE ABREVIATURAS ABRASCO Associação Brasileira de Pós-Graduação em Saúde Coletiva CAP’s Caixas de Aposentadorias e Pensões CEBES Centro Brasileiro de Estudos em Saúde CID Classificação Internacional de Doenças CIST Comissão Intersetorial de Saúde do Trabalhador CNDH Conselho Nacional de Direitos Humanos CNS Conselho Nacional de Saúde CONAETI Comissão Nacional de Erradicação do Trabalho Infantil CONASQ Conselho Nacional de Segurança Química COSAT Coordenação de Saúde do Trabalhador CRST Centro de Referência em Saúde do Trabalhador CTNBio Comissão Nacional de Biossegurança DAPE Departamento de Ações Programáticas Estratégicas DHESC Direitos Humanos Econômicos, Sociais e Culturais DORT Distúrbio Ósteo-Musculares Relacionados ao Trabalho EPC’s Equipamentos de Proteção Coletiva EPI’s Equipamentos de Proteção Individual FIOCRUZ Fundação Oswaldo Cruz IAP’s Instituto de Aposentadoria e Pensões IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística INPS Instituto Nacional de Previdência Social LER Lesão por Esforço Repetitivo MPAS Ministério da Previdência e Assistência Social MT Ministério do Trabalho MTE Ministério do Trabalho e Emprego MS Ministério da Saúde NOAS Norma Operacional de Assistência à Saúde OPAS Organização Pan-Americana de Saúde PEA População Economicamente Ativa PNST Política Nacional de Saúde do Trabalhador RENAST Rede Nacional de Atenção Integral à Saúde do Trabalhador SAS Secretaria de Atenção à Saúde SESP Serviço Especial de Saúde Pública SUS Sistema Único de Saúde 1 INTRODUÇÃO A preocupação com a saúde do trabalhador e a saúde ambiental tem demonstrado um grande crescimento nestes últimos anos. [...]

...

Estes documentos podem interessar a você

O desempenho do profissional de enfermagem frente aos riscos ocupacionais

 Biologia e medicina   |  Enfermagem   |  Monografia   |  10/06/2008   |  BR   |   .doc   |   19 páginas

Mais Vendidos assuntos sociais

Sistema penitenciário

 Sociedade   |  Assuntos sociais   |  Monografia   |  04/06/2007   |  BR   |   .doc   |   43 páginas

As estratégicas como ponto unificador da gestão do desempenho

 Sociedade   |  Assuntos sociais   |  Monografia   |  03/05/2007   |  BR   |   .doc   |   56 páginas
Compra e venda de trabalhos acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.