Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Poesia e o processo de aquisição da escrita

Informações sobre o autor

autônoma
Nível
Especializado
Estudo seguido
Letras

Informações do trabalho

Montserrat C.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
estudo dirigido
Número de páginas
26 páginas
Nível
Especializado
Consultado
2 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Introdução
  2. Conceituação de poesia e escrita
    1. A poesia e o processo de aquisição da escrita
    2. Primeiros contatos com a poesia
    3. Brincando com as palavras
    4. A Forma da poesia infantil
  3. Como trabalhar poesia com as crianças ?
    1. Narrativas poéticas
    2. Poesia em sala de aula
  4. Poesias e atividades que podem ser trabalhadas em classe
    1. Pesquisa de campo
    2. Resultado da pesquisa de campo

Desde que nascemos, a linguagem está presente em todos os momentos de nossas vidas, por isso ela tem um papel fundador, onde devemos pensar sobre o que a linguagem faz conosco e sobre o que fazemos com a linguagem.
Pensar como podemos levar as crianças a compreenderem o funcionamento da língua para que a utilizem cada vez melhor. Como fazer com que explorem a língua, com disposição, curiosidade e prazer, tanto na modalidade oral como escrita, com vistas às práticas sociais, estas reflexões nortearam as reflexões deste trabalho.
O trabalho foi desenvolvido, a partir do seguinte tema: ?Poesia e o Processo de Aquisição da Escrita na Educação Infantil?. Justificamos a escolha, a partir do momento em que, nós professoras de pré-escola, percebemos que podemos trabalhar poesia desde do início da alfabetização com as crianças e, sentimos a necessidade desse trabalho para ajudar no processo de aquisição da escrita, por entender que os textos usados na alfabetização são um pouco responsáveis pelo desinteresse demonstrado pelas crianças em relação à leitura e escrita.
Somos apaixonadas pela nossa profissão, e a escolha desse tema, buscou métodos e práticas pedagógicas, a partir do que já desenvolvemos em sala de aula, para a Educação Infantil.
Deixar a brincadeira fazer parte do trabalho de aquisição da língua escrita não é só um ingrediente saboroso, como também necessário e, é na literatura infantil que encontramos nossos maiores aliados, os personagens que encantam nossos ouvintes (SEPENTZOGLOU & GIOVANI apud ROSSETTI-FERREIRA, 2000, p. 98).

[...] Aí levar a poesia para a sala de aula, o professor deve escolher um texto que vá ao encontro das necessidades e características da criança. A poesia que atinge a criança é aquela que tem como cenário o mundo infantil, que fala de sentimentos, sensações, sonhos, fantasias, realidade do mundo infantil mostradas sob um prisma diferente e até divertido, poemas que não sejam moralizadores, didáticos ou piegas. O poema para criança tem que ser, antes de tudo, muito bom, comovente ou divertido. [...]


[...] Essa proposta prevê a participação de um professor que, sobretudo, goste de poesia e se disponha a buscar novos caminhos, acreditando na sua responsabilidade como incentivador do gosto pela leitura especialmente, pela literatura, levando a concretizar com doçura a aquisição da escrita. Constatar que as crianças, de modo geral, são poetas significa considerar a experiência lingüística, lúdica e poética que possuem, antes mesmo de entrarem para a escola, experiência esta revelada pela oralidade, pela sonoridade e pelos jogos de palavras que criam, passando a constituir seu repertório presente nas cantigas, nas quadrinhas rimadas, ritmadas e em outras criações verbais tão próprias dessa fase de suas vidas. [...]


[...] Sendo assim, abordamos neste trabalho: No capítulo a conceituação de poesia e escrita, apresentamos o caminho da poesia e do processo de aquisição da escrita, indagando como seriam os meios mais indicados para que a poesia e a escrita estejam interligadas. Mostrando como pode ser feito o primeiro contato desde os primeiros anos de existência da criança, seguindo e priorizando a pré-escola. No capítulo 2 tratamos de apresentar como trabalhar a poesia em sala de aula, as dificuldades dos professores e suas causas os diferentes textos poéticos existentes para crianças. [...]

Estes documentos podem interessar a você

O fracasso escolar na lecto escrita

 Sociedade   |  Educação   |  Estudo   |  15/01/2007   |  BR   |   .doc   |   28 páginas

Mais Vendidos educação

A ética da educação

 Sociedade   |  Educação   |  Estudo   |  14/03/2007   |  BR   |   .doc   |   5 páginas

Cronologia educação no mundo no Brasil de 1500 a 2007

 Sociedade   |  Educação   |  Estudo   |  27/03/2008   |  BR   |   .pdf   |   96 páginas