Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

A leitura no mundo globalizado

Informações sobre o autor

 
Nível
Para todos
Estudo seguido
educação
Faculdade
FESB

Informações do trabalho

Raquel V.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
estudo
Número de páginas
45 páginas
Nível
Para todos
Consultado
98 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Declaração internacional de Montreal sobre inclusão

Globalização é o crescimento da interdependência de todos os povos e países da superfície terrestre. Alguns falam em ?aldeia global?, pois parece que o planeta está ficando menor e todos se conhecem através dos meios de comunicação. Mesmo não sendo recente, a globalização é fato histórico e tem acompanhado toda a história da humanidade.
Na atual onda globalizante, temos a educação como o maior recurso para encararmos a nova estruturação do mundo. Sua finalidade é formar cidadãos capazes de analisar e compreender podendo intervir na realidade do mundo.
Atualmente se faz necessário homens reflexivos, criadores e, acima de tudo, críticos, diante de todo contexto apresentado pela sociedade. Julga-se, então, que a escola, através da prática da leitura, possa contribuir de maneira efetiva para a formação de cidadãos como agentes da sua própria história.
É necessário que a escola, os professores, o governo e a comunidade escolar como um todo, trabalhem juntos no sentido de melhorar o nível do ensino brasileiro, de forma que o aluno esteja informado à respeito de sua sociedade, e seja capaz de entendê-la para nela poder atuar transformando-a. E a leitura se constitui num grande passo, rumo a esta mudança.
Daí a necessidade de que a escola proporcione o máximo de leitura ao aluno com textos mais variados possíveis, uma vez que é através dos diversos tipos de textos que os alunos irão conhecer um pouco mais sobre o mundo global. A escola deve estar consciente de que seu trabalho resultará na formação de pessoas aptas para empregar a leitura muito além das palavras, como leitura de mundo.
Pesquisando sobre a globalização, podemos entendê-la como a interligação e a comunicação entre todos os povos, é um fenômeno que tem acompanhado toda a trajetória da humanidade.
A revolução da tecnologia, comunicação e informação, fazem da globalização o atual fenômeno histórico, e seus efeitos se mostram em todos os campos da vida humana, seja nos campos político e econômico, seja nos campos social, cultural e ambiental.
A era da informação é também a era da comunicação por isso, a educação é tida como o maior recurso de que se dispõe para enfrentar essa nova estruturação do mundo, mas nosso sistema educacional ainda é falho e podemos ver que nossas crianças não são estimuladas a entrarem no mundo da leitura. A falta de leitura impede o desenvolvimento lógico e social do indivíduo trazendo conseqüências futuras e a falta de senso critico.
Como criar uma mentalidade preparada e internacional no cidadão? Eis o meu problema a ser pesquisado.
É extremamente importante que o cidadão desde a sua infância seja alfabetizado e adquira a prática da leitura para que tenha uma mentalidade globalizada, capaz de acompanhar as mudanças do mundo, fazendo uso de seu senso critico.
Para a realização dessa pesquisa, os dados serão levantados a partir de livros, revistas, artigos e estatísticas.
No mundo de hoje é necessário que o cidadão se conscientize do importante papel da leitura em sua vivência e que através dela se torne um ser mais consciente, participativo e crítico na sociedade em que vive.

A globalização não é um fenômeno recente, é um processo histórico que evoluiu e evolui continuamente. É também um processo social que atua no sentido de uma mudança na estrutura política e econômica das sociedades.
Com a revolução das comunicações, o processo da globalização tornou-se muito mais veloz, desse modo podemos nos comunicar com outros continentes em minutos, e isso nos traz informação e aprendizado.
Nesse processo globalizante, constata-se que a educação é tida como o maior recurso que se tem para encarar essa nova estruturação do mundo. Novas exigências são postas pela sociedade da informação. Nossos alunos precisam estar preparados para uma leitura crítica das transformações que ocorrem em escala mundial. Precisam de uma formação sólida capaz de ajudá-los na sua capacidade de pensar e resolver os problemas humanos.
A escola tem um grande papel no fortalecimento da sociedade, ela precisa dimensionar o verdadeiro sentido da leitura e da formação de leitores no mundo globalizado. Vivemos numa sociedade letrada, e o acesso à informação escrita é indispensável para fazer do cidadão um ser consciente e crítico.

[...] Junto com ela, vem o analfabetismo mas, no mundo atual, é preciso urgentemente que a leitura seja encarada com seriedade e justiça. As pessoas devem ser solidárias nesta tarefa, pois talvez seja o único caminho para a construção de uma sociedade mais justa, onde não existam exploradores e explorados - O Professor como Agente de Transformação Recuperar o significado da leitura, não é tarefa das mais fáceis, pois envolve toda uma história de alienação e falta de consciência por parte dos educadores. [...]


[...] Observamos no mundo de hoje fatos que mostram a urgência de uma nova história, e o ser humano através da educação, é parte essencial para se mudar essa história REPENSANDO A EDUCAÇÃO A escola enfrenta hoje o enorme desafio de promover melhores condições ao desenvolvimento de habilidades e competências indispensáveis no mundo atual. Na concepção tradicional de Educação, o aluno vem até a escola com a cabeça vazia e cabe à escola nela colocar um conjunto de conhecimentos e habilidades intelectuais, aplicando provas periodicamente para testar a aquisição destes conhecimentos. [...]


[...] De olhos abertos: reflexões sobre o desenvolvimento da leitura no Brasil. São Paulo: Ática p (27). PIAGET, Jean. Para onde vai a educação? 13. ed. Rio de Janeiro: José Olympio p (28). Para onde vai a educação? 13. ed. Rio de Janeiro: José Olympio p (29). Para onde vai a educação? 13. ed. Rio de Janeiro: José Olympio p ANEXOS EDUCAR É UM ATO DE CORAGEM E AFETO *Gabriel Chalita Publicado no jornal A Tribuna (Santos), dia 27/05/2003 Desde as mais remotas civilizações, a convivência social foi um grande desafio. [...]

Estes documentos podem interessar a você

A importância do profissional de vendas no mundo globalizado

 Administração e marketing   |  Administração   |  Monografia   |  02/01/2007   |  BR   |   .doc   |   30 páginas

Cultura e ensino - o lugar do folclore na educação

 Sociedade   |  Educação   |  Dissertação   |  16/09/2009   |  BR   |   .doc   |   27 páginas

Mais Vendidos educação

A ética da educação

 Sociedade   |  Educação   |  Estudo   |  14/03/2007   |  BR   |   .doc   |   5 páginas

Cronologia educação no mundo no Brasil de 1500 a 2007

 Sociedade   |  Educação   |  Estudo   |  27/03/2008   |  BR   |   .pdf   |   96 páginas