Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Educação pela Literatura

Informações sobre o autor

 
Nível
Para todos
Estudo seguido
educação
Faculdade
UPF

Informações do trabalho

LISIANE D.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
estudo
Número de páginas
24 páginas
Nível
Para todos
Consultado
0 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Por uma Educação Teórica-Literária: As Funções da Literatura
    1. Os Caminhos Percorridos pela Literatura
    2. Conceito de Literatura
    3. As Funções da Literatura
    4. Literatura e Teoria da Literatura
  2. A Interdesciplinaridade em Vidas Secas
    1. O Conceito de Interdisciplinaridade
    2. Vidas Secas e a Década de 1930
  3. Vidas Secas: A Inter-Relação Curricular
    1. A Geografia do Nordeste Presente em Vidas Secas
    2. Vidas Secas e o Ensino da Língua Portuguesa
    3. A História do Brasil Presente em Vidas Secas
    4. Artes: Palavra e Imagem
  4. A Função Social de Vidas Secas

Devido a inexistência de uma ponte que ligue os conhecimentos teóricos do(a) professor(a) e as práticas em sala de aula, o ensino da literatura, de maneira geral, limita-se a informações resumidíssimas das principais obras clássicas da Literatura Brasileira, abordando apenas estudos centrados no conhecimento dos gêneros literários, dos autores e das escolas às quais as obras pertencem.
Isso também ocorre porque a escola se estrutura sobre um currículo fragmentado alienante e individualista com vistas apenas a informar o aluno, tendo como objetivo de estudo memorizar de maneira acrítica os conteúdos relevantes para o vestibular. Nas aulas de literatura é apenas trabalhada a superficialidade das obras, deixando de lado as funções da literatura que vão além de uma análise simplista, ou de ser entendida pelo senso comum como fruição diletante.
Dessa forma, em um currículo fragmentado, a literatura é vista como inútil, servindo apenas para aumentar a carga horária dos alunos, e não é tida como uma disciplina capaz de fazer refletir sobre a condição humana. Nesse sentido, esta monografia destina-se a demonstrar que a literatura vai além do sentido de fruição diletante, e que, por meio dela, é possível educar o cidadão utilizando-se da teoria literária e da interdisciplinaridade.

[...] Após a realização de uma proposta de estudo interdisciplinar do romance de Graciliano Ramos, Vidas secas, norteado pela teoria da literatura, foi possível demonstrar como podemos desenvolver uma educação literária e tornar as aulas de literatura um lugar potencial de novas significações sociais que levem à aprendizagem, formando sujeitos sociais mais competentes e preparados para o exercício da cidadania, permitindo que o aluno se torne um leitor critico e fortalecido a participar ativa e criticamente na sociedade. Bibliografia ANDRADE, Luis Carlos. [...]


[...] A fim de mostrar o diálogo entre a literatura de Graciliano Ramos e as artes plásticas de Portinari, Luis Carlos Andrade escreveu o artigo intitulado agrura do retirante: na trempe de Candido Portinari e Graciliano Ramos? (2004), no qual se evidencia que Graciliano Ramos denuncia os problemas sociais do povo brasileiro/nordestino pela literatura e Candido Portinari pela pintura. Partindo desse pressuposto, professor(a) de Artes pode expor aos alunos que os quadros de Portinari dialogam com a obra Vidas secas enfatizando que ambos trazem a mesma temática. [...]


[...] As fantasias expressas pela literatura têm sua base na realidade e por meio desta ligação com o real, passa a exercer sua função formadora, visto que nela encontramos questões relacionadas à moral, porque ao ler as obras literárias, podemos refletir mais sobre nossas práticas no mundo e perceber como podemos melhorar nossas vidas, ou seja, como podemos falhar menos, pelo fato de o texto literário conter normas e princípios morais importantes para a formação do homem, pois, exibe problemas e experiências de outros sob diferente ângulo de visão, permitindo a reflexão, a compreensão do próprio e o leitor tem a liberdade de escolher quais valores deve seguir, a fim de formar sua consciência. [...]

Estes documentos podem interessar a você

A literatura infantil como metodologia de ensino para o ensino fundamental I

 Sociedade   |  Educação   |  Dissertação   |  11/02/2008   |  BR   |   .doc   |   14 páginas

A importância da educação física na primeira fase do ensino básico

 Sociedade   |  Educação física   |  Monografia   |  14/05/2008   |  BR   |   .doc   |   15 páginas

Mais Vendidos educação

A ética da educação

 Sociedade   |  Educação   |  Estudo   |  14/03/2007   |  BR   |   .doc   |   5 páginas

Cronologia educação no mundo no Brasil de 1500 a 2007

 Sociedade   |  Educação   |  Estudo   |  27/03/2008   |  BR   |   .pdf   |   96 páginas