Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Gestão participativa escolar e o combate às drogas

Informações sobre o autor

A
Nível
Especializado
Estudo seguido
A

Informações do trabalho

Gilnei N.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
estudo
Número de páginas
13 páginas
Nível
Especializado
Consultado
187 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Problematização
  2. Justificativa
  3. Metodologia
  4. Embasamento prático e teórico
    1. As drogas na atualidade
    2. As drogas psicotrópicas
    3. Fatores de risco e proteção
    4. Ação preventiva na escola
  5. Cronograma
  6. Avaliação do projeto

O uso de drogas na trajetória humana é milenar. A história do uso dessas substâncias em diferentes culturas, em diferentes sociedades e em diferentes épocas mostra que o ser humano tem buscado nas drogas não só a obtenção do prazer, mas também a modificação intencional do estado de consciência.

Em nosso município, como ocorre na maioria dos outros, a busca pelas drogas lícitas e ilícitas vem se tornando um problema de graves proporções. Na família causa desarmonia, na sociedade o aumento da criminalidade e na saúde mais enfermidades e óbitos. O uso de drogas por crianças e adolescentes, principalmente aquelas que se encontram em situação de risco, vem contribuindo para o aumento dos atos infracionais. Jovens estudantes já se contaminam com os efeitos maléficos e alucinógenos das drogas, na prática constante da dualidade da personalidade, que promove a ilusão de que a realidade pode ser camuflada com ?viagens?. É preciso se criar medidas possíveis de prevenção e quem sabe erradicar esse problema tão atuante em nossa sociedade. Os pais estão sem orientação e conhecimentos necessários para lidar com o problema. A escola está desarmada, pois não existe um programa de capacitação especializada.

[...] Ação preventiva na escola A escola, na perspectiva da redução das drogas, deve criar ações preventivas para a redução de danos, a partir de cinco pressupostos básicos, a saber: 1 MODELO DE CONHECIMENTO CIENTÍFICO A partir das informações sobre drogas de modo imparcial e científico, os jovens poderiam tomar decisões conscientes e bem fundamentadas sobre as drogas MODELO DE EDUCAÇÃO AFETIVA Trata-se de um conjunto de procedimentos que visa a melhorar ou a desenvolver no jovem: - A auto-estima; - A capacidade de lidar com a ansiedade; - A habilidade de decidir e interagir em grupo; - A comunicação verbal; - A capacidade de resistir às pressões de grupo MODELO DE OFERTA DE ALTERNATIVAS AO USO INDEVIDO DE DROGAS Oferta de sensações proporcionadas por outros meios que não o consumo de drogas e ligadas à expansão de mente, ao crescimento pessoal, à excitação, ao desafio e ao alívio do tédio, através de atividades como: - Criação de gestão de atividades empresariais; - Orientação escolar para os alunos mais jovens; - Práticas esportivas desafiadoras; - Atividades artísticas variadas MODELO DE EDUCAÇÃO PARA A SAÚDE A proposta central é colocar a educação a serviço de uma vida saudável. [...]


[...] Embasamento prático e teórico As drogas na atualidade Droga é qualquer substância que modifica o funcionamento dos organismos vivos, produzindo alterações fisiológicas que, por sua vez, resultam em mudanças das funções do corpo ou do comportamento. Há vários tipos de drogas de uso medicinal, portanto, drogas lícitas, que ao contrário do que se pensa, são as que causam maior impacto na saúde pública, pois são as mais consumidas, respondendo pelo maior número de dependentes e de danos psicossociais decorrentes do seu uso abusivo. [...]


[...] Profissionais de qualquer área e cidadãos, compete contribuir para uma educação de qualidade, capaz de garantir à criança e ao adolescente uma vida sem drogas, não só por meio de uma atuação concreta no dia-a-dia, como também por meio do exemplo pessoal de cada um. O desenvolvimento de ações e estratégias, quer sejam de natureza pública ou privada, devem contribuir para abrir perspectivas animadoras, por isso, esta pesquisa, resultará em benefícios para toda a comunidade. Promover uma gestão participativa pressupõe trabalhar o coletivo para que ações coletivas sejam desencadeadas, objetivando desestimular os jovens a buscar drogas como remédios para seus anseios, mostrando-os que os problemas devem ser encarados e resolvidos com lucidez. [...]

Mais Vendidos educação

A ética da educação

 Sociedade   |  Educação   |  Estudo   |  14/03/2007   |  BR   |   .doc   |   5 páginas

Cronologia educação no mundo no Brasil de 1500 a 2007

 Sociedade   |  Educação   |  Estudo   |  27/03/2008   |  BR   |   .pdf   |   96 páginas

Últimos trabalhos educação

Literatura Infantil em Sala de Aula

 Sociedade   |  Educação   |  Estudo   |  03/07/2013   |  BR   |   .doc   |   10 páginas

Literatura Infantil

 Sociedade   |  Educação   |  Estudo   |  18/06/2013   |  BR   |   .doc   |   9 páginas