Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Jogos e brincadeiras na educação infantil e séries iniciais do ensino fundamental

Informações sobre o autor

 
Nível
Para todos
Estudo seguido
educação
Faculdade
Faculdade...

Informações do trabalho

Fernanda A.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
estudo
Número de páginas
20 páginas
Nível
Para todos
Consultado
12 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Introdução
    1. O brincar na educação
  2. Brincar na educação infantil é fundamental
    1. As contribuições do brincar para o desenvolvimento infantil
    2. A brincadeira como metodologia indispensável para o professor da educação infantil

O presente trabalho é resultado de discussões ao longo do curso normal superior, enfatizando a importância dos jogos e brincadeiras como metodologia de ensino nas aulas de diversas disciplinas e conteúdos. Enfatiza que os mesmos, são recursos pedagógicos muito eficazes para a construção do conhecimento e socialização de maneira prazerosa. A escolha do tema deve-se ao grande interesse pelo mesmo, adquirido principalmente ao longo das aulas da disciplina de jogos e recreação. Neste estudo são recebidas com destaque as questões relacionadas ao lazer e a aprendizagem adquiridas através dos jogos e recreações. Tem por objetivo então, subsidiar professores atuantes e futuros professores, na pesquisa sobre a importância do tema principalmente na educação infantil. Os jogos e recreação não se reduzem simplesmente ao divertimento das crianças, mas tem a função de desenvolver a coordenação motora, o raciocínio, a expressão oral, a função lúdica, entre outros.

[...] ?Dentro da variedade de significados, são as semelhanças, que permitem classificar jogos faz-de-conta, de construção, de regras, de palavras, políticos e inúmeros outros, na grande família denominada jogos.? KHISHIMOTO (1994, O jogo tem como características básicas aspectos sociais, predominado o caráter de prazer, mas também há situações de desprazer. Pode ser regido de regras explícitas ou ocultas, quando é voluntário a criança entra no mundo imaginário. Para a criança o jogo é jogo quando feito por prazer, por livre e espontânea vontade, o desprazer surge quando se torna uma obrigação o ato de jogar, assim a criança apenas cumpre o que o adulto pede, em sala de aula pode ser denominado como um trabalho. [...]


[...] Portanto a finalidade das brinquedotecas é criar espaços de convívio naturalmente, tenha possibilidade de conviver naturalmente, com jogos e brincadeiras em diferentes contextos, bem como proporcionar condições para que se cumpra o direito da criança de Brincar, direito esse que consta no Estatuto da Criança e do Adolescente (1990), e que, entretanto freqüentemente não é reconhecido por pais, professores e profissionais que atuam em educação, que vêem na brincadeira umas atividades sem objetivos ou sem conseqüências relevantes. No Brasil, o movimento pelas brinquedotecas é relativamente recente, embora já existam vários estudos sobre o assunto e muitas experiência bem sucedidas dentre elas as da Pastoral da Criança, as da Associação Gaúcha de Brinquedotecas e etc. [...]


[...] PIAGET (1973) observou as crianças em seus jogos de amarelinha e bolas de gude e pode perceber como se processa a noção de regras nas diversas etapas do desenvolvimento das crianças. Inicialmente a anomia (ausência de regras) está presente nas crianças. As crianças até mais ou menos cinco anos de idades não seguem regras coletivas. Elas se interessam por jogar bola de gude, amarelinha, mas para satisfazer suas fantasias simbólicas do que para participarem de uma atividade coletiva. O terceiro tipo de jogo que PIAGET (1978) examina é o de regras, que marca a transição da atividade individual para a socializada: ?Este jogo não ocorre antes de quatro a sete anos e predomina no período de sete a onze anos. [...]

Estes documentos podem interessar a você

Influência dos jogos na aprendizagem

 Sociedade   |  Educação   |  Estudo   |  07/02/2008   |  BR   |   .doc   |   33 páginas

Psicomotricidade na educação infantil

 Sociedade   |  Educação   |  Estudo dirigido   |  03/08/2007   |  BR   |   .doc   |   27 páginas

Mais Vendidos educação

A ética da educação

 Sociedade   |  Educação   |  Estudo   |  14/03/2007   |  BR   |   .doc   |   5 páginas

Cronologia educação no mundo no Brasil de 1500 a 2007

 Sociedade   |  Educação   |  Estudo   |  27/03/2008   |  BR   |   .pdf   |   96 páginas