Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Karl Marx

Informações sobre o autor

 
Nível
Especializado
Estudo seguido
comunicação
Faculdade
Puc- Rio

Informações do trabalho

Julia N.
Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
estudo
Número de páginas
8 páginas
Nível
Especializado
Consultado
1046 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Karl Marx
  2. Matrialismo dialético
  3. Materialimo histórico
  4. O Estado
  5. Divisão histórica
  6. Emancipação social

Karl Marx nasce em Trier, na Alemanha, em 5 de maio de 1818 e vivencia muitos dos grandes acontecementos do século XIX. Estuda filosofia hegeliana na universidade de Berlim e forma-se em Iena, com a tese Sobre as diferenças da filosofia da natureza de Demócrito e Epicuro. Trabalha, a partir de 1842, como jornalista no Jornal Renano, no qual publica artigos radical-democratas, contrariando as autoridades locais. Em 1844, morando em Paris, edita o primeiro volume dos Anais Germânico-Franceses, seguindo a linha hegeliana de esquerda, com a qual rompe posteriormente.
Sua duradoura amizade com Frierich Engels começa em 1844. Juntos, publicam diversos livros como, por exemplo, A Sagrada Família (1845), contra as idéias de Bruno Bauer (hegeliano) e O Manifesto Comunista (1848), um resumo do materialismo histórico e uma chamada à revolução. Nesta obra começam a delinear-se as idéias da teoria que viria a ser conhecida como marxista.
É expulso da França em 1845 e passa a morar em Bruxelas, onde integra organizações clandestinas de exilados e operários. Na volta para Paris, chefia o primeiro jornal socialista diário, o Novo Jornal Renano.
O jornal é fechado após a derrota dos movimentos revolucionários na Europa, e tem seus redatores denunciados e processados. Marx é então expulso para Londres, onde dedica-se a estudos econômicos e históricos. Passa por dificuldades financeiras, e é sido amplamente ajudado por Engels, que leva uma vida confortável em Manchester.

Talvez por viver em uma Europa aquecida por revoluções (Inglesa, Francesa, Russa), o pensamento de Marx segue esta tendência. Ele acredita viver a eminencia de um movimento revolucionário que transformaria completamente a estrutura social. Em 1848, vê como próxima uma guerra mundial resultante de uma inevitável inssureição dos operários ingleses.

[...] de uma inevitável inssureição dos operários ingleses Materialismo Dialético Marx rejeita o materialismo teórico e acredita na necessidade da criação de uma filosofia que não só inteprete o mundo, mas o modifique. Em 1845 redige, sobre o tema, as Teses sobre Feuerbach, publicadas por Engels apenas em 1888. Baseia-se na obra se Demócrito e Epicuro sobre o materialismo e na de Heráclito sobre a dialética na criação do seu Materialismo Dialético. Este considera a matéria como a única realidade e nega a existência da alma, de Deus e de outra forma de vida. [...]


[...] Em seus estudos sobre o bonapartirmo 18 Brumário de Luis Bonaparte 1852), Marx analisa como todas as revoluções que se seguiram à Revolução Francesa tiveram apenas a função de prolongar o movimento iniciado por esta, de preparar o terreno para o domínio desta classe sobre as outras. Enquanto no Parlamento era a voz da classe dominante que mandava, o poder executivo, no governo de Napoleão III, submete a sociedade às suas decisões. O Estado neste caso sobrepõe-se à sociedade como um todo, inclusive à burguesia. [...]

Estes documentos podem interessar a você

Resumo - Karl Marx

 Psicologia e letras   |  Psicologia   |  Estudo   |  14/03/2007   |  BR   |   .doc   |   13 páginas

"O capital: crítica da economia política" volume I - Karl Max

 Economia e finanças   |  Finanças   |  Fichamento   |  10/09/2007   |  BR   |   .doc   |   10 páginas

Mais Vendidos sociologia

As etapas do pensamento sociológico

 Sociedade   |  Sociologia   |  Estudo   |  22/02/2007   |  BR   |   .doc   |   20 páginas

Sociologia Histórica

 Sociedade   |  Sociologia   |  Estudo   |  27/02/2013   |  BR   |   .doc   |   13 páginas