Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Traumatismo cranioencefálico na criança

Informações sobre o autor

 
Nível
Avançado
Estudo seguido
medicina
Faculdade
UFMG

Informações do trabalho

Data de Publicação
Idioma
português
Formato
.ppt
Tipo
estudo dirigido
Número de páginas
45 diapositivo
Nível
avançado
Consultado
1 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. Introdução
  2. Lesões do Couro Cabeludo
  3. Lesões Ósseas
  4. Lesões Meníngeas
  5. Lesões Intracranianas
  6. Conclusões
  7. Referências

Introdução O estudo do traumatismo cranioencefálico (TCE) na criança apresenta a mesma importância já referida em relação ao adulto, salientando-se a grande incidência do TCE leve, devido às freqüentes quedas de pequena altura a que as crianças estão sujeitas. O TCE em crianças, especialmente nos lactentes, apresenta características diferentes das observadas no adulto. Estas diferenças são devidas à maior flexibilidade do crânio das crianças, pela fusão incompleta dos ossos, às diferentes reações do encéfalo ao traumatismo e, especialmente, à maior plasticidade do sistema nervoso da criança, que permite maior recuperação da função cerebral em relação ao adulto. Lesões do Couro Cabeludo A. Contusão. É freqüente nas crianças, devido ao TCE leve. Como no adulto, o tratamento é sintomático. B. Laceração. É também bastante freqüente e apresenta como maiores complicações a hemorragia e a infecção. O tratamento consiste na limpeza cuidadosa e sutura da ferida, após retirada de corpos estranhos e desbridamentos dos tecidos contundidos.

[...] O tratamento é cirúrgico: consiste na abertura do cisto e na correção das falhas dural e óssea. Lesões Intracranianas A. Contusão cerebral. É a entidade anatomopatológica mais freqüente entre as decorrentes do TCE, incluindo-se sob este título a concussão cerebral, a contusão cerebral propriamente dita e a laceração cerebral. A concussão cerebral é caracterizada por distúrbio temporário da função cerebral, de instalação súbita, ocorrendo após o traumatismo craniano, não havendo lesão estrutural do sistema nervoso. Lesões Intracranianas Esta é a entidade mais freqüentemente observada na criança, a qual normalmente denominamos TCE leve. [...]


[...] Estas diferenças são devidas à maior flexibilidade do crânio das crianças, pela fusão incompleta dos ossos, às diferentes reações do encéfalo ao traumatismo especialmente, à maior plasticidade do sistema nervoso da criança, que permite maior recuperação da função cerebral em relação ao adulto. Lesões do Couro Cabeludo A. Contusão. É freqüente nas crianças, devido ao TCE leve. Como no adulto, o tratamento é sintomático. B. Laceração. É também bastante freqüente e apresenta como maiores complicações a hemorragia e a infecção. [...]

Mais Vendidos medicina

Colecistopatias

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo dirigido   |  09/10/2007   |  BR   |   .ppt   |   54 páginas

Patologias cirúrgicas do Baço

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo dirigido   |  21/06/2007   |  BR   |   .ppt   |   64 páginas

Últimos trabalhos medicina

Fisiologia e Anatomia em Otorrinolaringologia

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo   |  25/09/2012   |  BR   |   .ppt   |   13 páginas

Diagnóstico e tratamento das Otites

 Biologia e medicina   |  Medicina   |  Estudo   |  25/09/2012   |  BR   |   .ppt   |   27 páginas