Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

Desenvolvimento motor na capoeira

Informações sobre o autor

 
Nível
Para todos
Estudo seguido
educação...
Faculdade
FEFISO

Informações do trabalho

Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
dissertação
Número de páginas
16 páginas
Nível
Para todos
Consultado
1 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
1 Avaliaçao cliente
5
escrever um comentário
  1. Desenvolvimento motor na capoeira

A capoeira atualmente tem considerável relevância tanto por seu valor cultural e histórico quanto por seu valor educacional, bem como atividade física vigorosa e prazerosa, que traz inúmeros benefícios para a saúde física e o desenvolvimento corporal. Estes benefícios atraem um número cada vez maior de participantes (BERNARDO, 1993).
Uma vez que é grande o número de crianças entre os praticantes desta popular prática de atividade física, questiona-se como é influenciado o desenvolvimento das crianças pela capoeira. São raros os estudos sobre esta arte genuinamente brasileira, e poucos relacionam os seus benefícios para crianças. Este estudo busca precisamente a relação entre capoeira e seus benefícios para crianças na fase chamada de final da infância, com idade aproximada entre oito e doze anos (CARVALHO, 1999; GALLAHUE & OZMUN, 2001).

[...] Entre os benefícios da capoeira para as crianças com idade aproximada de oito e 12 anos, destaca-se as influências sobre o desenvolvimento motor, o desenvolvimento de força, agilidade e flexibilidade, a consciência social e a responsabilidade coletiva, a musicalidade e o ritmo, bem como um reforço para a auto-estima REVISÃO DE LITERATURA Características da Capoeira Na história oficial, a prioridade sempre foi dos acontecimentos vistos pelo lado dos dominantes, o que resultou na falta de informações a respeito da cultura dos oprimidos, principalmente índios e negros. [...]


[...] Um professor de Educação Física que ensine crianças na infância tardia deve estar familiarizado com estudos sobre o desenvolvimento nesta fase da vida por diversos motivos, sendo um deles as questões inerentes ao crescimento físico. A sociedade atual tem valorizado de forma significativa a aparência alta e esbelta. Nesse sentido, profissionais de saúde são questionados rotineiramente sobre os efeitos positivos que o exercício físico exerce sobre o crescimento longitudinal de crianças e adolescentes. Estudos atuais demonstram que enquanto o exercício físico moderado estimula o crescimento, o treinamento físico extenuante representa um estresse capaz de atenuar o crescimento físico, sendo esse efeito resultante mais da intensidade e duração do treino do que propriamente do tipo de exercício praticado. [...]


[...] Compreender o desenvolvimento da criança é necessário devido as influências dos estágios de desenvolvimento para todos os outros aspectos na vida da criança. Para FREUD (1997), a criança no final da infância está aproximadamente na fase de latência da energia sexual, sublimando para o desenvolvimento intelectual e a socialização. Esta energia pode ser muito bem aproveitada para a pratica desportiva. A teoria psicossocial de ERIKSON (1972), concentrando-se na influência da sociedade, reconhece fatores intrínsecos às experiências do indivíduo como fator primordial no desenvolvimento motor. [...]

Últimos trabalhos educação física

Avaliação Física Escolar: Uma Identidade Urgente Para A Prática Da Educação Física

 Sociedade   |  Educação física   |  Artigo   |  08/12/2010   |  BR   |   .doc   |   4 páginas

Futsal como tema na educação física escolar

 Sociedade   |  Educação física   |  Estudo   |  27/02/2010   |  BR   |   .doc   |   11 páginas