Search icone
Permuta de Trabalhos Acadêmicos
Garantias
Leia mais sobre as nossas garantias.

A importância da formação do docente no processo de inclusão do deficiente auditivo

Informações sobre o autor

 
Nível
Para todos
Estudo seguido
educação
Faculdade
FACEL

Informações do trabalho

Data de Publicação
Idioma
português
Formato
Word
Tipo
dissertação
Número de páginas
20 páginas
Nível
Para todos
Consultado
1 vez(es)
Validado por
Comitê Facilitaja
0 Avaliaçao cliente
0
escrever um comentário
  1. O ESTRESSE
  2. O ESTRESSE INFANTIL
  3. A RELAÇÃO: CRIANÇA, FAMÍLIA E ESCOLA
  4. DIAGNÓSTICO, SINTOMAS, PREVENÇÃO E SUGESTÕES PARA ALIVIAR O ESTRESSE

O presente trabalho de conclusão de curso, voltado á área da inclusão educacional baseado em pesquisas bibliográficas, objetiva colocar em discussão a atuação dos professores das escolas regulares junto aos alunos surdos, considerando sua formação básica, os recursos dos quais dispõem para realizar o trabalho em sala de aula e apoio que lhes é oferecido pelos órgãos superiores competentes. Para isso buscou-se na história conhecer um pouco mais sobre como se deu a educação dos surdos no Brasil ao longo dos tempos, quando se constatou um cunho filantrópico assistencialista, que não privilegiava o desenvolvimento educacional do individuou com surdez. Durante as leituras realizadas observaram-se alguns pontos frágeis da inclusão, tanto social quanto educacional, como o despreparo das instituições escolares, o desconhecimento sobre as deficiências pelos profissionais que atuam nas escolas regulares e, pela grande maioria da sociedade, o meso de lidar com o novo e o histórico preconceito em relação ao ?diferente?, que a sociedade traz arraigado ao longo dos tempos. A família também foi alvo de investigação durante a realização deste trabalho, na busca de compreender a importância desta instituição para o desenvolvimento e inclusão está ganhando espaços tanto nas escolas quanto na sociedade, entretanto, aponta para a necessidade de maior veiculação de informações sobre as deficiências, e mostra ainda a urgência de uma reformulação nos cursos de formação básica de professores. Logo, entende-se que a formação e a informação são imprescindíveis para a verdadeira efetivação do processo inclusivo.

[...] Segundo a autora isso ocorre pela ausência do código lingüístico utilizado no contexto social das pessoas ouvintes, em decorrência desse fato o pensamento da pessoa surda se organiza de forma distinta, diferenciando-se da forma usual dos ouvintes. Isso pode ocorrer devido a privação da audição ou por experiências frustrantes vividas pelos surdos no contexto sócio-familiar. Diante do exposto é essencial ressaltar, ainda que a surdez pode trazer limitações para o desenvolvimento emocional, social e psicológico da pessoa surda, por ser a audição: [ . [...]


[...] Já em relação às adaptações de grande porte (adaptações significativas), destacam-se: grandes modificações na organização didáticas não aplicáveis à totalidade dos alunos em relação a conteúdos, objetivos elementos físicos e materiais, métodos, e disponibilidade de tempo; introdução de objetivos específicos complementares; prolongamento de permanência do aluno na série ou ciclo; eliminação dos critérios gerais de avaliação; introdução de recursos de acesso à aprendizagem e de processo avaliativo; introdução de métodos e procedimentos complementares ou alternativos. É importante lembrar que todas as adaptações têm como referencia básico o currículo regular, devendo estar contidas no Projeto Político Pedagógico da escola e respeitar as particularidades da comunidade escolar. [...]


[...] (GIL, 2002:64) O empenho da família atuando como uma base proporcionadora de condições para que a criança portadora de necessidades especiais se identifique desde de cedo, como parte integrante de uma sociedade, é imprescindível para que no futuro ela se reconheça como uma pessoa igual as outras, sendo dotada de direitos, deveres, limites e capacidades O PROFESSOR E A INCLUSÃO DO ALUNO SURDO Com as políticas públicas voltadas para o processo inclusivo, as escolas regulares brasileiras devem estar abertas a atender a diversidade, seja por acreditarem nos resultados eficazes da inclusão como meio de combater as desigualdades e a segregação de pessoas, valorizando assim uma sociedade mais justa e humanitária, ou por força de leis voltadas à assistir os indivíduos historicamente menos favorecidos dentro do processo educacional. [...]

Mais Vendidos educação

Brincadeiras e jogos na educação infantil

 Sociedade   |  Educação   |  Estudo dirigido   |  27/07/2007   |  BR   |   .doc   |   26 páginas

O brincar na educação infantil

 Sociedade   |  Educação   |  Dissertação   |  01/04/2008   |  BR   |   .doc   |   14 páginas

Últimos trabalhos educação

Literatura Infantil em Sala de Aula

 Sociedade   |  Educação   |  Estudo   |  03/07/2013   |  BR   |   .doc   |   10 páginas

Literatura Infantil

 Sociedade   |  Educação   |  Estudo   |  18/06/2013   |  BR   |   .doc   |   9 páginas